Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Número de separações aumenta em Dourados

5 Mai 2007 - 10h30

O número de separações e divórcios consensuais teve um pequeno aumento entre o s anos de 2005 e 2006, de acordo com pesquisa feita pelo Fórum de Dourados. Segundo os números fornecidos pelo Fórum ao Dourados News, o total de separações no ano de 2005 foi de 676. Já em 2006, foi de 716, o que demonstra um aumento de 1,05% no término do casamentos.
 

O Poder Judiciário da Comarca de Dourados registrou 219 separações consensual durante todo o ano de 2005. Em 2006, o número subiu para 227. A separação consensual é simples e geralmente muito rápida. Diferente da Separação Litigiosa, que é aquela onde não há consenso entre os cônjuges, e assim se faz necessário algumas observações de ordem processual. Essas reduziram, uma vez que em 2005, foram realizadas pelo Fórum em Dourados 79 separações litigiosas e somente 53 em 2006. Os divórcios litigiosos, ou seja, divorcio onde um dos envolvidos não quer, aumentaram no ano passado, 85 para 117.

De acordo com pesquisa do IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, em 2003, quase 750 mil pessoas casaram no Brasil. Dessas 44% deve se separar. Uma estimativa do IBGE aponta que, em 2005, foram realizados no país mais de 100 mil separações e 150 mil divórcios. Desse total, quase 80% foram consensuais.

Em 2003, o IBGE observou que, entre as mulheres, a maior taxa de nupcialidade legal ocorreu no grupo etário de 20 a 24 anos (28,6‰). Para os homens, as maiores taxas apareceram no grupo de 25 a 29 anos (29,5‰). É importante notar que as taxas de nupcialidade legal feminina são, sistematicamente, mais baixas do que as masculinas a partir do grupo etário de 25 a 29 anos. A pesquisa revelou ainda que o número elevado de divórcios está relacionado a infidelidade e a pouca idade ao se casar.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física