Menu
SADER_FULL
segunda, 23 de julho de 2018
PASSARELA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Número de farmácias populares pode chegar a 100

20 Ago 2004 - 17h33
A diretora de Programas do Departamento de Assistência Farmacêutica do Ministério da Saúde, Jamaira Giora, disse hoje que até o final deste ano pode chegar a 100 o número de farmácias populares, onde a população pode adquirir remédios com preços menores do que os praticados nas farmácias convencionais. O projeto conta atualmente com 23 farmácias.

Em entrevista ao programa Revista Brasil, da Rádio Nacional AM, Jamaira Giora disse que a principal diferença entre as farmácias populares e as convencionais é o preço praticado. Nas farmácias populares, os medicamentos são adquiridos em grande quantidade e vendidos a preço de custo. A diferença de preço entre as duas é de cerca de 60%. Além disso, as farmácias populares prestam um serviço de orientação farmacêutica à população. “Nos temos até agora 23 farmácias populares. O programa foi lançado de forma gradativa, uma experiência sem similar no país. A proposta é nova e nós temos uma avaliação bastante positiva”, afirmou a diretora.
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPERAÇÃO POLICIA FEDERAL
Prisões de Puccineli e filho são destaques em jornais nacionais
OSTENTAÇÃO
Cavalo que vale mais que uma Ferrari é destaque em exposição
CAMPO BELO RESORT - PROMOÇÃO
Campo Belo Resort com promoção especial de 22 a 31 de julho, CONFIRA
NOVELA GLOBAL
Em 'Segundo sol', Karola descobre o paradeiro de Luzia e chantageia a DJ: Beto ou cadeia?
ACIDENTE FATAL NO BEACH PARK
Acidente no Beach Park, veja como é o brinquedo 'Vainkará' que matou turista
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
Fátima do Sul: O Boticário lança linha de cuidados masculinos e mostra que homens também se cuidam
ACIDENTES NAS ESTRADAS
Acidente grave: nove caminhões e um morto na BR-376
POLEMICA
Transexual é retirada algemada de banheiro público feminino em Araruama
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Remy agarra Luzia e Ícaro salva a mãe de ser estuprada
TURISMO PELO BRASIL E MUNDO
Indústria de Hotéis aguarda aprovação dos jogos para captar bilhões em produtos turísticos