Menu
SADER_FULL
segunda, 24 de setembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Número de acidentes nas rodovias federais do Estado cresce 70,8%

7 Jun 2010 - 08h17Por TV Morena

O número de acidentes nas rodovias federais de Mato Grosso do Sul cresceu 70,8% na operação Corpus Christi deste ano em comparação com a mesma ação realizada no ano passado, saltando de 24 para 41 ocorrências, segundo balanço divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta segunda-feira (7).

A quantidade de acidentes nas BRs sul-mato-grossenses em 2010 foi a maior dos últimos sete anos.  A PRF registrou um aumento ainda maior do número de feridos nos acidentes, 105,2%, passando de 19 em 2009 para 39.

Em contrapartida, a quantidade de mortes permaneceu estável, dois, tanto na operação do ano passado quanto na deste ano.

Segundo a PRF, a BR-163 foi a mais violenta do estado, sendo responsável por 55% do número total de acidentes do período, seguido por 22,5% na BR-262, enquanto que o restante das ocorrências ocorreram nas BRs 267, 463 e 158.

O tipo de acidente mais frequente nas estradas sul-mato-grossense na Operação Corpus Christi foi a colisão traseira (42%), enquanto que a maior causa foi a falta de atenção dos condutores (47,5%) seguido por não guardar distância de segurança (17,5%).

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASAL BRUMAR
Bruna Marquezine e Maraina Ruy Barbosa se afastam e climão na Itália alerta internautas
MARIA DA PENHA
Após deixar hospital, mulher esfaqueada pelo ex diz: 'Não deixe passar em vão'
CAPITULO FINAL
Saiba tudo que vai acontecer no fim de 'Orgulho e paixão'
MUTANTE
Grife inova em passarela com modelos de 'três seios'
EMBOSCADA
Homem é assassinado na frente do filho de seis anos
FAMOSIDADES
Xuxa rompe silêncio sobre Marlene Mattos e traições de Pelé: ‘Me fez coisas muito feias’
ASSALTANTE
Preso confessou que matou a ex em cela da cadeia
DISPUTA ACIRRADA
Nova pesquisa mostra empate técnico entre Haddad e Bolsonaro
SELEÇÃO BRASILEIRA
Gabriel Jesus retorna para a Seleção
LOTERIA
Mega-Sena acumula novamente e pode pagar prêmio de R$ 22 milhões