Menu
SADER_FULL
terça, 19 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Normas para desmatamento causam polêmica entre produtores

20 Jul 2004 - 17h57
 

Em apenas dois dias os produtores de Mato Grosso do Sul já fizeram pedido de desmatamento de mais de 15 mil hectares. Desde que a Sema (Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recuros Hídricos) começou a divulgar as novas normas para os licenciamentos ambientais do Estado, gerou-se uma polêmica entre os produtores que terão que atender novas exigências.

Preocupados em não conseguir a licença para desmatar, os produtores se desesperaram e deram entrada nos pedidos na Sema. Para Rubens Nogueira, da Associação dos Engenheiros Florestais, não há justificativa para essa atitude. "Essas normas só irão regulamentar os desmatamentos em propriedade rurais e de forma alguma irão impedir o benefício de suas áreas de desmate", afirma.

Segundo o assessor de meio ambiente da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), Josiel Quintino dos Santos, a Sema apenas solicitará ao produtor a localização exata da área de reserva legal, que para o nosso Estado é de 20% da propriedade. Essa localização será feita por geoprocessamento.

A Famasul elaborou um documento juntamente com outras entidades como a Associação dos Engenheiros Agrônomos, Crea e Associação dos Engenheiros Florestais, pedindo um prazo de 180 dias para que as normas entrem em vigor. A entidade acredita que nesse tempo os produtores sejam informados e se familiarizem com as normas.

 

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE FATAL
Adolescente é atropelada quando levava pai em cadeira de rodas, veja o vídeo
VIOLENCIA DOMESTICA
'Não consigo reconhecê-la', diz irmão de mulher espancada no 1° encontro
O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário