Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 19 de março de 2019
prefeitura VICENTINA Março 2019
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Município tem o primeiro doador de medula

16 Set 2004 - 07h43
O município de Glória de Dourados teve, recentemente, o primeiro doador de medula óssea, envolvendo uma família tradicional na cidade. O ex-presidente do PMDB de Glória de Dourados, Valter Cupertino, 46, esteve internado no hospital Amaral carvalho, em Jaú (SP), desde o mês de agosto, realizando uma série de exames para fazer a doação de medula óssea à irmã, Maria Oliveira Lima, 55.
Maria Oliveira, mãe de dois filhos (Renan e Renara), residente em Campo Grande, sofria de leucemia mielóide aguda, descoberta em maio de 2003.
Entre os 83 parentes consultados, somente o irmão Cupertino era compatível à doação, o que foi realizada com êxito total. Segundo o doador, a atenção dos médicos e enfermeiros significou muito para a família, como também a fé a esperança de todos, principalmente da paciente. “É algo extraordinário devolvermos a vida a uma pessoa, ainda mais quando é uma pessoa querida, como no caso a minha irmã”, ressaltou Cupertino, agradecendo também aos inúmeros amigos que oraram pelo sucesso do transplante.
Fundador do PMDB de Glória, Valter Cupertino foi político atuante no município e região, sempre defendendo as cores do partido. Nos últimos meses, estava afastado da política, inclusive alheio aos movimentos relacionados ao pleito de outubro deste ano.
Maria Oliveira, por muitos anos, foi professora no distrito de Guassulândia, em Glória de Dourados, na escola Weimar Gonçalves. Mais tarde, passou a lecionar na escola Vânia Medeiros Lopes, na sede do município, onde sempre manteve um grande círculo de amizades. Atualmente, exercia o magistério na escola Valdenir Barros, no bairro das Moreninhas, em Campo Grande.
 
 
 
 
Diário MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSÉDIO SEXUAL
Homem é morto a tiros após assediar mulher casada
FATALIDADE
Mulher morre ao cair de pé de abacate e bater cabeça na linha do trem
MANIACO SEXUAL
Pai flagra estupro da filha dentro de casa usando o celular, suspeito foi preso
FAMOSIDADES
Quem era Bettina antes do R$ 1 Milhão: Ela foi professora de balé, modelo e panfleteira
MENTOR DO MASSACRE
Polícia de Suzano apreende menor suspeito de planejar ataque
INTERNADO
Criança de 4 anos cai em poço de cinco metros de profundidade
RESGATADO
Cão abandonado em ilha estava sendo comido vivo por urubus
SEXTUPLOS
Americana dá à luz seis bebês em nove minutos
TRAGÉDIA EVITADA
Garoto de 11 anos leva faca na mochila para matar colega no ônibus escolar
ALERTA AOS PAIS
Menino de quatro anos corta os pulsos em Goioerê e pode ser influência da Momo