Menu
SADER_FULL
terça, 19 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Mulher sobrevive após ser arrastada 40 metros por carro

30 Ago 2010 - 10h58Por G1

Uma empregada doméstica de 23 anos foi arrastada por cerca de 40 metros por um carro após um acidente em um cruzamento de Campinas, no interior de São Paulo, na madrugada de sábado. A vítima estava na garupa de uma moto conduzida por um homem de 31 anos, que também ficou ferido. A doméstica foi levada para o Hospital Municipal Mário Gatti, mas já recebeu alta.

Os veículos seguiam pela Avenida Barão de Itapura, no sentido Taquaral, quando o carro bateu na traseira da motocicleta. Os dois ocupantes foram lançados no chão e a mulher ficou presa embaixo do carro. O motorista tentou fugir. Em depoimento à polícia, ele disse que não sabia que a doméstica estava sendo arrastada. Após 40 metros, o carro que ele dirigia teve pane elétrica e parou.

O motorista do carro tem 18 anos e não possui carteira de habilitação. Ele disse à polícia que havia ingerido um copo de vodca em uma festa e passou por exame clínico. O laudo será encaminhado ao 4° Distrito Policial de Campinas, onde será feita a investigação. Ele deve responder por lesão corporal culposa, omissão de socorro, fuga do local do acidente e por dirigir sem habilitação.O carro e a moto já passaram por perícia

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE FATAL
Adolescente é atropelada quando levava pai em cadeira de rodas, veja o vídeo
VIOLENCIA DOMESTICA
'Não consigo reconhecê-la', diz irmão de mulher espancada no 1° encontro
O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário