Menu
SADER_FULL
sexta, 19 de outubro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

MS vai receber polo industrial da soja de US$ 30 milhões

16 Jul 2004 - 18h00
O governador Zeca do PT recebeu hoje no fim da tarde grupo de empresários coreanos que anunciou investimento de US$ 30 milhões para a implantação de pólo industrial de soja em São Gabriel do Oeste em prazo de três anos. “Esse negócio vai consolidar o agronegócio na região norte do Estado agregando valor a soja, com a fabricação de derivados do produto que ainda não são produzidos em Mato Grosso do Sul, inclusive abrindo oportunidade para a atração de outros empreendimentos”, afirmou o secretário de Produção e Turismo, José Felício que acompanhou a reunião.

Zeca do PT explicou sobre o projeto de integração da América Latina com a criação da rota bioceânia e falou sobre os produtos sul-mato-grossenses que geram grande interesse entre os países orientais, como carne, manganês e minério de ferro. Segundo o assessor especial de diplomacia da Coréia do Sul, Myung Soo Kim, há interesse de empresários coreanos no investimento para agregar valor a minérios da região de Corumbá.

Conforme Irio Molinari, executivo do grupo Kaisen, responsável pela intermediação entre empresários coreanos, a prefeitura de São Gabriel do Oeste e o Governo do Estado, ser[a assinado protocolo de intenções entre as partes envolvidas nas negociações para que seja feita a implantação do pólo industrial de esmagamento de soja, que vai gerar vários subprodutos divididos em duas linhas: a de alimentos e a farmacêutica.

A prefeitura do município dará a infra-estrutura necessária para a construção do pólo, como o terreno de 10 hectares, pavimentação, terraplanagem. “Procuramos o governador para que haja apoio para evitar a burocracia e agilidade na implantação do polo”, afirmou. A expectativa é que sejam gerados inicialmente cerca de mil empregos diretos e o pólo atraia 10 outras fábricas na área farmacêutica e de produtos alimentícios.

“A região de São Gabriel do Oeste deixa de ser produtora primária da soja e se torna um pólo industrial com a expectativa de atração de outras indústrias, o que vai gerar novos postos de trabalho, essenciais para o desenvolvimento do município”, disse o prefeito de São Gabriel, Adão Rolim. A escolha de Mato Grosso do Sul para receber o investimento coreano foi feito principalmente pela infra-estrutura ideal encontrada pelos empresários para o empreendimento, segundo explicou o presidente do grupo Kaisen, Carlos Ishikiriyama. “Encontramos um caminho rápido para fazermos investimentos no Brasil aqui em Mato Grosso do Sul, onde há grande interesse dos governantes pelo bem estar da população”, disse.

A Coréia do Sul tem hoje 44 milhões de habitantes e importa US$ 800 milhões de soja e seus derivados, o que totaliza 1,5 milhão de toneladas. O produto é originário principalmente dos Estados Unidos. O deputado federal, Antonio Carlos Biffi também participa das negociações para a implantação do pólo industrial da soja.
 
 
 
 
 
Agência Popular

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Jair Bolsonaro teria causado a separação de Neymar e Bruna Marquezine
NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Após suborno e tentativa de estupro, Remy se entrega a polícia para deixar Luzia livre
REALITY SHOW
Perlla é eliminada de A Fazenda com 22,64% dos votos
RETA FINAL
'Segundo sol': Antes de ir para a cadeia, Luzia pede: 'Continuem procurando por Remy! Ele está vivo!
CASO LETICIA
Adolescente morta a facadas contou a amigos que pai estuprou a tia na sua frente:'Tinha quatro anos'
MOTIVO FUTIL
Camera ajuda na indentificação de Homem que confessa ter matado mulher após falhar na "Hora H"
A CASA CAIU
Rapaz é agredido pelas sete namoradas que descobriram traição
SEGUNDO SOL
Beto confronta Karola: 'Você roubou a vida de outra mulher'
DEFICITÁRIAS
Correios fecham 02 agências no MS e 39 no país
VICENTINA - LEILÃO ELETRÔNICO
Justiça realizará leilão eletrônico de imóveis urbanos e trator de VICENTINA