Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 17 de outubro de 2018
SADER_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

MS terá R$ 125 milhões para investimentos em turismo

2 Jul 2004 - 09h25
Um investimento de 125 milhões de reais está previsto para o setor turístico do Estado. A previsão é do comitê gestor do Prodetur/Sul (Programa de Desenvolvimento do Turismo no Sul do País), programa que ajuda viabilizar recursos, através do Ministério do Turismo junto ao BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento), para ser destinados ao turismo nos estados da região sul e Mato Grosso do Sul.
Hoje, de acordo com informações da assessoria do governo, cerca de 14 projetos de turismo do Estado vão ser analisados em uma reunião entre o coordenador do BID, Arthur Darling, a diretora do Ministério do Turismo, Suzana Dieckman, e o comitê.
Em julho de 2003, o banco aprovou o Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável da Serra da Bodoquena (PDITS), que tem como objetivo, viabilizar água, esgoto, recuperação de estradas e planos diretores para os municípios de Bodoquena, Bonito e Jardim.
A reunião acontece nesta sexta-feira, daqui a pouco, às 8h30, no Parque estadual do Prosa, em Campo Grande.
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASO LETICIA
Adolescente morta a facadas contou a amigos que pai estuprou a tia na sua frente:'Tinha quatro anos'
MOTIVO FUTIL
Camera ajuda na indentificação de Homem que confessa ter matado mulher após falhar na "Hora H"
A CASA CAIU
Rapaz é agredido pelas sete namoradas que descobriram traição
SEGUNDO SOL
Beto confronta Karola: 'Você roubou a vida de outra mulher'
DEFICITÁRIAS
Correios fecham 02 agências no MS e 39 no país
VICENTINA - LEILÃO ELETRÔNICO
Justiça realizará leilão eletrônico de imóveis urbanos e trator de VICENTINA
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Conclusão do Comperj deve gerar 8 mil vagas em 2019
LUTO NO JORNALISMO
Morre Gil Gomes, jornalista policial, aos 78 anos, em São Paulo
SELEÇÃO BRASILEIRA
Brasil vence a Argentina com gol de Miranda nos acréscimos e conquista o Superclássico
HORARIO DE VERÃO
Início do horário de verão não será adiado, informa o Planalto