Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 20 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

MS tem o 4º maior índice de crescimento de emprego no país

23 Set 2004 - 14h59
De janeiro a agosto deste ano foram gerados 24.313 novos empregos com registro na Carteira de Trabalho em Mato Grosso do Sul, representando uma evolução de 9,2% no mercado formal de trabalho, que agora ultrapassa 288,5 mil empregados. Este índice coloca o Estado na quarta posição do ranking nacional de geração de empregos, atrás apenas do Mato Grosso (13,86%), Tocantins (11,91%) e Amazonas (9,44%). As informações estão nos relatórios mensais do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) do Ministério do Trabalho.

No mês de março foi registrado o melhor desempenho do Estado: 3.867 novas vagas, impulsionado pelo setor agropecuário que respondeu por 41% do total (1.597 empregos). De janeiro a junho a média mensal foi de 3.320 novos postos de trabalho, mas em julho houve uma desaceleração, com a construção civil apresentando retração (-84) e crescimento menor nos demais setores, fechando o mês com saldo positivo de 1.394 empregos gerados.

Em agosto, apesar da entressafra, a economia sul-mato-grossense voltou a demonstrar vigor e a diferença entre as demissões e contratações foi de 2.975 novos postos de trabalho. O setor de serviços puxou a alta, com 888 vagas, seguido do comércio (656), indústria (616) e construção civil (568). No mês passado o índice de variação do emprego no Estado foi de 1.03%, acima da média nacional (0,93%) e maior que os percentuais de todos os Estados da região Sudeste, onde se concentra a maioria das indústrias do país.

Diversificação – Na avaliação do economista e professor da FGV (Fundação Getúlio Vargas), Jaime Verruk, os números do Caged demonstram claramente que o Estado caminha para o processo de diversificação de sua economia, embora ainda não seja possível afirmar que ocorreu mudança no perfil econômico. O agronegócio continua sendo a atividade mais forte, porém a indústria reage e reflete de imediato no comércio e nos serviços.

Segundo Verruk, o desafio é conseguir o equilíbrio das atividades econômicas de forma que quando a agropecuária apresente retração – o que ocorre todos os anos no período da entressafra – os demais setores respondam mantendo o nível de emprego. O bom desempenho do comércio e dos serviços em agosto tem relação direta com a safra agrícola passada e é um indicador de manutenção do crescimento nessa atividade. “Agora os produtores estão comprando insumos para a próxima safra”, observou.

É também uma garantia de que 2004 vai terminar bem. “Acredito plenamente que o Estado vai manter esse índice de geração de empregos.” O economista enfatiza que as contratações registradas em agosto mostram que a indústria está se preparando para o fim do ano, planejando aumento na produção. Da mesma forma comércio e serviços vão intensificar as contratações de mão-de-obra para fazer frente ao aumento das vendas de fim de ano.

Em todos os Estados o ano está sendo bom para quem procura emprego. De janeiro a agosto a variação positiva do mercado nacional de trabalho foi de 6,3%, com a geração de 1.466.446 novas vagas, conforme o relatório do Caged. A região Centro-Oeste lidera em percentuais o ranking, com índice de 8,59%. Das quatro unidades federativas da região, apenas o Distrito Federal não ultrapassou a média nacional de geração de empregos, com índice de 4,72%.
 
 
Agência Popular

Deixe seu Comentário

Leia Também

100 VERBAS
Emissão de CPF e restituição do IR podem ser suspensas pela Receita
100 PENA
'Não tem que ter pena', diz Jair Bolsonaro sobre uso de atirador de elite após sequestro de ônibus
ACIDENTE TRÁGICO
Morte de três profissionais em acidente comove a cidade
100 TETO
Na busca por emprego, homem 'mora' em abrigo de papelão
PÂNICO NO ÔNIBUS
Atirador de Elite mata homem que fez reféns em ônibus
AGORA DEU MEDO
Velório é interrompido após morto 'apertar' mão da esposa
TRAGEDIA NA RODOVIA
Três pessoas morrem em acidente envolvendo carro e caminhão na BR-277
FATALIDADE
Jovem mulher morre ao levar choque usando o secador de cabelos
ABSURDO - BRASIL
Mulher mata o marido a facadas e leva pênis para a amante dentro de um copo
MORTE E COMOÇÃO
Jovem caminhoneira morre em acidente e comove colegas de toda a região