Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 23 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

MS tem 319 mil eleitores que nunca foram à escola ou são analfabetos

22 Jul 2010 - 13h11Por Mídia Max

Mato Grosso do Sul tem 319.448 eleitores que se declararam analfabetos ou que apenas lêem e escrevem sem mencionar escolaridade por provavelmente nunca terem freqüentado salas de aula. O grupo se divide em 240.138 que afirmam ler e escrever e 79.310 que se admitem analfabetos. Juntos, eles representam 18.76% do eleitorado estadual que é de 1,7 milhão de pessoas, segundo dados do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral).

A maior concentração de eleitores analfabetos ou que apenas lêem e escrevem sem escolaridade foi constatada em Campo Grande, maior colégio eleitoral do Estado com 541 mil votantes. Na Capital, o número de eleitores analfabetos é de 9,6 mil e que apenas lêem e escrevem é de 42,2 mil.

Nacionalmente, são 27 milhões de eleitores nessa situação no cadastro do TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Desses, 8 milhões são analfabetos e 19 milhões declararam saber ler e escrever sem terem ido à escola. No total, há 135,8 milhões de eleitores no país em 2010.

A maior parcela do eleitorado estadual, 36,28%, no entanto, declarou ter ensino fundamental incompleto. A segunda maior parcela que representa 18,03% ou 306.973 eleitores têm ensino médio incompleto.

Apenas 4,21% do eleitorado de Mato Grosso do Sul fez algum curso superior ou 71.680 pessoas, número inferior ao de analfabetos. Há ainda outros 56.662 ou 3.33% dos eleitores que conseguiram ingressar em uma faculdade, mas não terminaram o curso. Veja na tabela abaixo todas as faixas de escolaridade do eleitorado de MS.

Analfabetismo no País

O número de 27 milhões de eleitores que são analfabetos ou nunca freqüentaram escola significa que a cada cinco pessoas aptas a votar neste ano, uma é analfabeta ou nunca frequentou uma escola.

A pior situação é no Nordeste: enquadram-se em um desses grupos 35% dos eleitores. No Sudeste, são 12%.

Os dados de escolaridade do TSE e TREs são uma estimativa, já que são fornecidos pelos eleitores no momento em que eles vão tirar o título e só atualizados caso ocorra uma revisão do cadastro.

O percentual de eleitores que nunca frequentaram a escola caiu de 23,5% na última eleição presidencial, em 2006, para 20,5% neste ano.

O voto das pessoas com menos instrução e menos informação tende a ter menos ideologia e mais personalismo, diz o cientista político Fábio Wanderley Reis, professor emérito da Universidade Federal de Minas Gerais.

Por isso, diz, Dilma Rousseff (PT) é quem tem mais condições de angariar votos desse grupo, uma vez que se beneficia da associação com a imagem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Disponível em: www.tre-ms.gov.br/eleitorado/eleitor.html

Deixe seu Comentário

Leia Também

PEDOFILIA
Babá de 15 anos recebia dinheiro para ter relações com patrão
PREOCUPANTE
Mineradora declara situação de emergência em barragem de Araxá
INTOLERANCIA RELIGIOSA
Delegado solicita ida à casa do 'BBB 19' para interrogar Paula, investigada por intolerância
RESUMO DAS NOVELAS
Mercedes convoca Murilo para uma conversa
CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico