Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 18 de julho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

MS se prepara para receber unidade da Embrapa Florestas

22 Jun 2010 - 14h50Por Agora MS
O Programa Estadual de Pesquisa Agroflorestais passará a contar com um importante suporte científico: Mato Grosso do Sul deve receber nos próximos meses uma unidade da Embrapa Florestas. A assinatura do protocolo de intenções entre os governos estadual e federal acontece nesta quinta-feira (24), às 9hs, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo – sala Pedro de Medeiros, na Capital. Autoridades setoriais, público e privado, participam do ato.

Integrado ao contexto do Plano Estadual para o Desenvolvimento Sustentável de Florestas Plantadas de Mato Grosso do Sul (PEF/MS) – que contempla em suas estratégias o desenvolvimento tecnológico em integração com os diversos agentes públicos e privados que atuam neste segmento produtivo – o governo estadual promoveu no mês de fevereiro passado o workshop “Desenvolvimento Tecnológico Agroflorestal em Mato Grosso do Sul”. Instituições que executam projetos de pesquisa/inovação tecnológica no setor participaram do evento – inclusive, pesquisadores da Embrapa Florestas – ocasião em que foi criado o Programa Estadual de Pesquisa Agroflorestais.

Conduzido pela Câmara Setorial de Florestas – órgão consultivo da Secretaria de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo (Seprotur) – o Programa reúne o setor empresarial, fundações e pesquisadores. Entre as diretrizes propostas, estão: a busca por novos materiais genéticos (espécies e clones) nativas para recuperação reserva legal e APP eucalipto outras exóticas adaptados a região, para múltiplos usos (pequenas e médias propriedades); desenvolvimento dos trabalhos voltados a Integração Lavoura-Pecuária-Florestas; aprimoramento dos materiais genéticos de espécies nativas adaptadas a região, para múltiplos usos; criação de arranjos produtivos locais para produção de espécies nativas em regiões representativas do Estado; modelos de uso de florestas para a recuperação de Reservas Permanente e áreas de Preservação Permanentes (APP), com uso de espécies econômicas facilitadoras; capacitação para a Transferência de Tecnologias; aprimoramento dos sistemas de Informação do Setor Florestal no Estado e mercado.

Além da Embrapa Florestas participam deste trabalho as Embrapas Gado de Corte e Agropecuária Oeste, UFGD, UEMS, UNESP-Ilha Solteira, ESALQ/IPE, SIF, ASEF, IASB (Instituto das Águas da Serra da Bodoquena), Fundação MS, Fundação Chapadão, Ramires Reflorestamento Ltda., Fibria, Polifer Agrícola, SFA/MS, SEPROTUR/AGRAER e SEMAC/IMASUL.

SERVIÇO

Antevendo o ato do dia 24 o grupo se reúne nesta quarta-feira (23), das 9 às 18 horas, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo – sala Pedro de Medeiros, para discussão final da proposta do Programa de Pesquisa e Desenvolvimento Florestal para Mato Grosso do Sul. Maiores informações pelo telefone (67) 3318-5035.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSALTANTES
Agricultor reage e mata dois ladrões que tentavam assaltar propriedade
ARREPENDEU
Ladrão devolve roupas e pede desculpas em bilhete: “Estava desesperado, não sou disso”
100 SAQUE
Governo quer que funcionário demitido não possa sacar FGTS
NOVELA GLOBAL
Maria da Paz ouve Josiane e Régis transando em 'A dona do pedaço'
SE DEU MAL
Ladrão tenta assaltar caminhoneiro arma de brinquedo e morre ao levar três tiros de verdade
COPA DO BRASIL
Athletico-PR elimina Flamengo nos pênaltis e garante vaga na semi da Copa do Brasil
COPA DO BRASIL
Com polêmica e expulsão, Internacional avança para a semifinal ao eliminar o Palmeiras
DESCARGA ELÉTRICA
Técnico de Rerigeração morre após sofrer choque ao manusear microondas
DOENÇA DO SÉCULO
Rapaz que se jogou da ponte do Rio Piquiri se despediu de amiga antes
COMOÇÃO
Jovem de 19 anos morre após contrair bactéria em parto