Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 11 de dezembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

MS investe R$ 505,9 milhões em rodovias no norte

27 Jul 2010 - 09h42Por Diário MS
O Governo do Estado está executando obras de pavimentação nas rodovias da região Norte de Mato Grosso do Sul que vão garantir a integração econômica e impulsionar o progresso de nove municípios, beneficiando diretamente cerca de 137 mil moradores. Os investimentos somam R$ 505,9 milhões, envolvendo recursos federais e estaduais. Outros 40,9 milhões estão sendo investidos na restauração asfáltica de rodovias e ruas situadas nas áreas urbanas dos municípios. Antes mesmo de serem concluídas, as obras já estão atraindo novos investimentos, gerando empregos e fortalecendo a economia de várias cidades, principalmente de Figueirão, Alcinópolis, Costa Rica e Coxim.
A principal obra, orçada em R$ 242,3 milhões, é a pavimentação de 223 quilômetros da BR-359, ligando os municípios de Coxim até Costa Rica. Esta rodovia era a única federal do Estado a não contar com asfalto. A obra está sendo executada pelo Governo do Estado, por meio de convênio firmado com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). Com sua conclusão, toda a região terá acesso à Ferronorte e ao Porto de Santos. A pavimentação da BR-359 vai encurtar em mais de 200 quilômetros a distância dos motoristas que costumam trafegar de Mato Grosso sentido a Goiás, Brasília e São Paulo, bem como no sentido inverso. O trânsito de carretas pela BR-163, entre Coxim e Campo Grande, deverá ser reduzido consideravelmente, contribuindo para diminuição de acidentes.

RITMO ACELERADO

As obras de pavimentação da BR-359 tiveram início em janeiro do ano passado, compreendendo o trecho entre Coxim e Alcinópolis. Dos 119 quilômetros, aproximadamente 40 quilômetros já foram concluídos. No dia 16 de abril deste ano, foi realizado em Costa Rica, o lançamento oficial do último trecho de pavimentação da rodovia, ligando os municípios de Alcinópolis e Costa Rica. A ordem de serviço foi assinada pelo governador André Puccinelli e pelo ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos.
O principal benefício da obra desta obra é a integração econômica dos municípios da região Norte, favorecendo o escoamento da produção agrícola e industrial. Além disso, essa infraestrutura permitirá a instalação de novas empresas, atraídas principalmente pela localização geográfica, potencial econômico e o fato da rodovia integrar Mato Grosso do Sul com os estados de Mato Grosso e Goiás.

FIM DO
ISOLAMENTO

A pavimentação da rodovia MS-436 é uma das obras mais importantes realizadas na região, tirando do isolamento os municípios de Alcinópolis e Figueirão. São 162 quilômetros de estrada, que liga os dois municípios a Camapuã. As obras iniciaram no final do ano passado. O Governo do Estado prevê um investimento de R$ 185,9 milhões. O trecho entre Camapuã e Figueirão está em fase de licitação.
O prefeito de Figueirão, Getúlio Barbosa, lembra que na década de 1970 e 1980, passaram pela região empresários que queriam fazer grandes investimentos, mas desistiram por falta de estrutura. “Eles queriam trabalhar na produção de soja e algodão, na plantação de eucaliptos, até havia mais moradores, mas vivemos uma situação difícil, pois nem empresas de ônibus rodoviários queriam nos atender, pela falta de estradas e asfalto. Agora o Governo do Estado está dando atenção à nossa região, trazendo mais empregos e melhorando a economia. Com este asfalto a expectativa é que venham mais pessoas com vontade e coragem de se instalar aqui e vencer”, afirmou.
A expectativa também grande em Alcinópolis. “Uma obra como essa vai alavancar muito nossa cidade. Existem indústrias que gostariam de se instalar no nosso município, mas não vão porque não tem asfalto. Esta obra, economicamente, significa muito para o município, porque hoje nós temos renda basicamente da agropecuária”, afirma o prefeito Manoel Nunes. José Silvério Pereira, um dos moradores do município, lembra que a pavimentação tanto na rodovia estadual e federal trouxe o desenvolvimento para cidade. ”Além disso, esta obra garantir emprego para mim”, afirmou.
“Esta obra vai ligar Alcinópolis ao mundo. A cidade estava isolada, sem asfalto e agora vai desenvolver como nunca. Quase ninguém acredita neste sonho e temos que louvar pessoas que fazem acontecer. Vai modificar a estrutura física e mental da cidade. O empresário aqui não investia dinheiro e vejo agora um futuro ascendente”, elogiou o pecuarista e morador de Alcinópolis, Lineu de Paula Leão.

ANEL VIÁRIO

No município de Costa Rica, o Governo do Estado está construindo o anel viário, com uma extensão de 16 quilômetros, ligando os entroncamentos da MS-223 com a BR-359. O valor desta obra é R$ 15,9 milhões. Outra obra envolve a pavimentação da MS-316, totalizando uma extensão de R$ 15,8 quilômetros e investimento de R$ 11,2 milhões. Está sendo licitado o asfalto de 32,5 quilômetros da MS-306, cujo projeto foi orçado em R$ 24,3 milhões.
Esta mesma rodovia, em Chapadão do Sul e Cassilândia, será recapeada, numa extensão de 143 quilômetros, envolvendo investimento de R$ 32.8 milhões. Na área urbana de Chapadão, a rodovia será duplicada. Serão cinco quilômetros transformados em avenida de vias duplas, para desafogar o trânsito de caminhões no local.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REVIDE
Passageiro atropelado por motorista de aplicativo após vomitar em carro está em coma
A SERVIÇO DE DEUS
Angela Bismarchi festeja diploma para ser pastora: ‘Eu era pecadora e não sabia’
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz dá caixa com terra de cova de Gabriel para Valentina
INTOCÁVEL
PF pediu prisão domiciliar de Aécio, Cristiane Brasil e Paulinho da Força, mas PGR e STF não concede
DICA DO DIA
Como obter uma autorização de residência no Brasil
CENTRO ESPÍRITA
Médium é acusado de Abusos Sexuais em crianças
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Nicolau leva surra de chicote no bordel
COVARDIA
Mulher agride menino autista em playground e vídeo viraliza
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Nicolau descobre que Diana luta karatê e fica em choque
ACUMULOU
Ninguém acerta a mega-sena e prêmio acumula em R$ 30 milhões