Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 16 de setembro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

MS é alvo de campanha contra agrotóxicos ilegais

19 Jul 2004 - 15h24
Mato Grosso do Sul está entre os oito estados brasileiros alvo de campanha nacional contra venda e utilização de agrotóxicos ilegais. A campanha começa veicular a partir de hoje em conjunto com a Sindag (Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Agrícola) e Andav (Associação Nacional dos Distribuidores de Insumos Agrícolas e Veterinários).
De acordo com as entidades, quatro toneladas de agrotóxicos ilegais foram apreendidas nas principais regiões agrícolas do Brasil, em Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Minas Gerais, Bahia, Mato Grosso e Goiás.
O volume de multas aplicadas pelo Ibama (O Instituto Nacional de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis) a agricultores usuários de agrotóxicos ilegais no período 2002-2003 chegou a R$ 1 milhão. Essas multas foram aplicadas especialmente em Mato Grosso do Sul, Paraná e Mato Grosso. Nesse período, o volume de chamadas registradas pelo 0800 940 7030 (que recebe denúncias do uso de agrotóxicos ilegais) chegou a três mil.
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO
PM é torturado e morto após circular boato de que seria 'estuprador'
JULGAMENTO
PMs acusados de chacina taparam câmera de segurança antes do crime
CASO DE POLÍCIA
Catador de reciclável recebe mochila com bebê congelado dentro
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo morre após carro bater em árvore em rodovia de MS
FAMOSOS
David Brazil causa ao expor bumbum de Anitta sem ela saber
ACIDENTE FATAL
Câmera de segurança registrou acidente fatal de enfermeira. VEJA O VÍDEO
MONSTRUOSIDADE
Homem que matou mãe e filha em Cascavel escreveu carta. Bebê tomou mamadeira “batizada”
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mulher e marido são presos suspeitos de estuprar menina de 11 anos que dormia na casa deles
SUPERSTIÇÃO
Primeira sexta-feira 13 do ano com noite de lua cheia pode ser perigosa, alerta taróloga
ESPORTE
Poderá o poker se tornar olímpico?