Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 19 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

MS bate recorde na cana e reúne nomes de peso no Canasul

16 Ago 2010 - 10h16Por

Enquanto ganha espaço entre as potências sucroalcooleiras, Mato Grosso do Sul prepara a quarta edição do evento que marcou seu amadurecimento no setor, o Canasul 2010.

Hoje e amanha (16 e 17), palestrantes e debatedores de peso vão discutir, em Campo Grande, características e tendências da atividade que já ocupa 339 mil hectares no Estado, segundo levantamento da safra 2010/11 da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento).

Neste ano, a operação de 22 usinas será responsável pela produção de mais de 30 milhões de toneladas de cana-de-açúcar, resultado recorde fruto da expansão de 29%, de acordo com mesmo estudo.

A maior parte (21 milhões de toneladas) será transformada em etanol, cada vez mais presente na vida do brasileiro e respeitado no mercado internacional.

O presidente da Unica (União da Indústria da Cana-de-Açúcar), Marcos Junk, abre o ciclo de palestras, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, no Parque dos Poderes, falando sobre os efeitos da globalização no setor sucroenergético brasileiro.

Logo depois, o presidente da Biosul Associação dos Produtores de Bionergia de Mato Grosso do Sul , Roberto Hollanda, aprofunda a visão do público sob mercado regional e a busca pela sustentabilidade na produção.

Diretor de Negócios de Biopolímeros da gigante de plásticos Braskem, Marcelo Nunes, mostra novas utilizações do etanol.

Em seguida, o coordenador da Secretaria de Produção e Agroenergia do Ministério da Agricultura, Cid Jorge Caldas, discute o papel do governo federal no desenvolvimento do setor sucroalcooleiro.

Werner Semmelroth, da indústria; Ismael Pereira Junior, da Organização de Plantadores de Cana da Região Centro-Sul (Orplana) e Carlos Silvestrin, da Cogen (Associação da Indústria de Cogeração de Energia), fecham a lista de palestrantes do evento.

O Canasul 2010 é realizado pela Comissão Técnica de Bionergia da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul) , com promoção do governo do Estado, por meio da (Secretaria de Produção e Turismo); Associação dos Produtores de Bionergia de Mato Grosso do Sul e Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul).

Sebrae, Banco do Brasil e Ministério da Agricultura patrocinam o evento, que tem apoio da Aeams, Crea-MS, OCB-MS e Mútua.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE FATAL
Adolescente é atropelada quando levava pai em cadeira de rodas, veja o vídeo
VIOLENCIA DOMESTICA
'Não consigo reconhecê-la', diz irmão de mulher espancada no 1° encontro
O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário