Menu
SADER_FULL
quarta, 26 de junho de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

MPE denuncia os nove vereadores de Naviraí

21 Jun 2007 - 06h00

O MPE (Ministério Público Estadual), através dos promotores de Justiça Luiz Gustavo Camacho Terçariol e Paulo da Graça Riquelme de Macedo Júnior, ingressou com ação civil pública contra o presidente da Câmara de Naviraí, vereador Laurentino Pavão de Arruda, por ato de improbidade administrativa na contratação de empresa de publicidade.

Na ação, os promotores alegam que o vereador contratou a empresa de publicidade A.R Selem Jr., através de uma licitação fraudada para prestar serviços ao poder legislativo, mesmo tendo conhecimento que a referida empresa não possui capacidade para executar o contrato com a Câmara Municipal, haja vista não possuir funcionários, sede própria e equipamentos necessários.

Apurou-se, também, que houve um dirigismo na confecção da licitação com o propósito de beneficiar a empresa vencedora, nos mesmos moldes do processo irregular feito pela Prefeitura Municipal com a mesma empresa, com uma única diferença: na licitação da Câmara Municipal não houve a anulação de nenhuma licitação, pois não apareceu nenhum concorrente, sendo a empresa vencedora a única participante da competição.

Todos os vereadores

Outra ação civil pública foi proposta contra todos os vereadores de Naviraí, sendo eles Laurentino Pavão de Arruda, José Odair Gallo, Mário Gomes, Benedito Missias de Oliveira, Vanderlei Chagas, José Carlos Aguiar Gomes, Leila Sandra Neme da Silva Matos, José Antônio Martins e José Silvério), por violação ao princípio da impessoalidade, pois os vereadores estavam fazendo auto-promoção de seus nomes em jornais e sites da cidade, igualmente como feito pelo Prefeito Municipal, Zelmo de Brida, que também responde na Justiça pelo mesmo fato.

Entretanto, no caso dos vereadores há uma agravante, qual seja, o poder legislativo publica trimestralmente, um periódico denominado “Informativo Legislativo”, o qual é pago com o dinheiro público. O Informativo periódico vangloria as ações dos Vereadores, promovendo-os política e pessoalmente, em flagrante violação à Constituição Federal.

 

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

INSTINTO ASSASSINO
Jovem leva 23 perfurações pelo corpo dois dias após se separar e fica em coma induzido
CRUELDADE
Adolescentes torturam e matam garota por causa de ciúmes, divulgam vídeo e são apreendidas
HABEAS CORPUS
Segunda Turma do STF mantém Lula preso
TRAGEDIA NA RODOVIA
Uma pessoa morre e cinco feridos após carro da Secretaria de Saúde bater em caminhão
ESCRAVIDÃO
Mulher era mantida em cárcere privado por 20 anos
MONSTRUOSIDADE
Bebê de 9 meses é estuprado e espancado até a morte
QUADRO ESTÁVEL
Após acidente e cirurgia às pressas, Filho de Huck e Angélica deixa UTI
CIGARREIRO
Homem morre após capotar carro carregado com cigarros
ASSÉDIO SEXUAL
Dany Bananinha sofre assédio em praia do Rio e impede nova vitima: 'Me tremi toda'
EMOÇÃO DEMAIS
Idoso passa mal e morre em palco ao ganhar carro em sorteio