Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 23 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Motel é transformado em presídio semi-aberto em Campo Grande

18 Mai 2007 - 16h05
O Motel Bon Vivant, em Campo Grande, deve ser transformado em presídio semi-aberto. O governador André Puccinelli (PMDB) assinou a ordem de serviço na quinta-feira (17), prevendo a instalação inicial de mil condenados pela Justiça no local.

"O investimento não teve o retorno monetário esperado", disse um ex-funcionário do motel. Os jardins de invernos, banheiras redondas de hidromassagem, piscinas e outras atrações das confortáveis suítes são alguns dos itens a serem eliminados durante a reforma.

O custo da obra para adaptação do prédio está embutido no pacote de pouco mais de R$ 6 milhões destinados a ampliação e reforma no sistema carcerário estadual. Um total de 90% da verba veio do Ministério da Justiça. Além do regime semi-aberto, o imóvel será um centro de profissionalização e trabalho de presos.

A meta é construir outros 11 centros com a mesma finalidade. Segundo o superintendente de Políticas Penitenciárias da Secretaria de Justiça, Aloysio Franco de Oliveira, "a proposta é cumprir a Lei de Execução Penal. Atualmente, atividade laboral para presos é exceção em Mato Grosso do Sul".
 
 
 
G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física