Menu
SADER_FULL
segunda, 10 de dezembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Moradores de conjuntos terão escritura definitiva em Deodápolis

27 Jul 2010 - 17h00Por Wilson Amaral / Fátima News

Recentemente o prefeito de Deodápolis Manoel Martins (PSDB) esteve visitando o cartório do 1º Oficio na pessoa do Drº. Eremilton Santana para saber de como anda a documentação para regularização dos conjuntos Santa Teresinha, Moria I e II e Cherogami.

O prefeito foi informado pelo Drº. Eremilton que a documentação está em fase conclusiva para registro e segundo o prefeito em breve todos os moradores que fazem parte daqueles conjuntos estarão recebendo o termo de doação final do qual se originará a escritura definitiva final que dará direito a eles de usufruírem da melhor forma possível os seus bens, inclusive de estar até financiando junto à rede bancária para ampliação como queiram destacou o prefeito. 

 Asfalto

O prefeito Manezinho concluiu dias atrás ligação asfaltica da cidade até os Bairros Santa Terezinha, Cherogami, Moriá I e II.

Com está iniciativa o prefeito deixou o asfalto na porta de entrada dos bairros garantindo assim um melhor deslocamento dos moradores principalmente em dias de chuvas que ficarão livres do barro.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVARDIA
Mulher agride menino autista em playground e vídeo viraliza
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Nicolau descobre que Diana luta karatê e fica em choque
ACUMULOU
Ninguém acerta a mega-sena e prêmio acumula em R$ 30 milhões
VIOLENCIA
'Tiro, porrada e bomba': festa em universidade acaba em pancadaria e PM responde com violência
NOVELA GLOBAL
Gabriel confronta Valentina em “O Sétimo Guardião”
ARROCHO
Regra defendida por Bolsonaro tira R$ 1,1 mil por mês das novas aposentadorias
BARBÁRIE
Mulher é presa após atear fogo em cachorro
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Feliciano foi muito rico e ajudou Valentina no passado
SE DEU MAL
Assaltante é morto após fazer idosa de 83 anos refém no Rio de Janeiro
ROUBO MILIONÁRIO
Homens invadem banco, trocam tiros com polícia e fogem com R$ 1 milhão