Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 19 de março de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Monsanto recupera patente de algodão

6 Out 2004 - 10h17
A Monsanto anunciou sua vitória em uma disputa que se arrastava havia 12 anos a respeito de patentes de tecnologia usada para modificar genes em plantas como o algodão. O Departamento de Patentes e Marcas dos Estados Unidos determinou que a Monsanto foi a primeira a inventar a transformação genética de plantas dicotiledôneas por bactérias do gênero Agrobacterium. A decisão encerra uma disputa com o Instituto Max Planck e com outros, informou em um comunicado. A companhia usou a tecnologia para criar as sementes de algodão Bollgard, resistentes à broca, disse o porta-voz Ben Kampelman.
 
Agrolink

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Mulher morre ao cair de pé de abacate e bater cabeça na linha do trem
MANIACO SEXUAL
Pai flagra estupro da filha dentro de casa usando o celular, suspeito foi preso
FAMOSIDADES
Quem era Bettina antes do R$ 1 Milhão: Ela foi professora de balé, modelo e panfleteira
MENTOR DO MASSACRE
Polícia de Suzano apreende menor suspeito de planejar ataque
INTERNADO
Criança de 4 anos cai em poço de cinco metros de profundidade
RESGATADO
Cão abandonado em ilha estava sendo comido vivo por urubus
SEXTUPLOS
Americana dá à luz seis bebês em nove minutos
TRAGÉDIA EVITADA
Garoto de 11 anos leva faca na mochila para matar colega no ônibus escolar
ALERTA AOS PAIS
Menino de quatro anos corta os pulsos em Goioerê e pode ser influência da Momo
FAKE NEWS
Padre Fábio de Melo desmente texto atribuído a ele sobre o ataque em Suzano