Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 23 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Moka cresce 8 pontos no Ibope e abre caminho para vaga ao Senado

3 Ago 2010 - 14h35Por Fátima News com assessoria

Pesquisa do Ibope divulgada nesta segunda-feira, 2 de agosto,  pela TV Morena mostra que o candidato ao Senado da coligação “Amor, Trabalho e Fé”, Waldemir Moka (PMDB), cresceu 8 pontos em relação à pesquisa do Ibrape/Correio do Estado e está na segunda colocação na disputa, tecnicamente empatado com Dagoberto Nogueira (PDT), que tem 32%. A vantagem que beneficia Moka é que sua campanha está crescendo e a de Dagoberto caindo.

Nas duas únicas pesquisas registradas e divulgadas depois das convenções, há grande movimentação dos candidatos ao Senado. Dagoberto cai 9 pontos, de 41 para 32% e Moka sobe 8 pontos, de 23 para 31%.

Moka comemorou os números do Ibope, assinalando que eles representam a realidade de uma campanha que vem crescendo dia a dia, porque tem a participação ativa de muitas lideranças na Capital e no interior. “Nós estamos andando, ouvindo as pessoas, falando o que fizemos nestes 12 anos em Brasília e expondo nossos compromissos pra frente”, ressalta Moka, observando que a pesquisa reflete “o que a gente sente nas ruas”.

Moka entende que se for eleito senador como presidente da Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional terá todas as condições de assegurar mais recursos para Mato Grosso do Sul no orçamento federal de 2011, não importa quem seja eleito presidente da República.

“A avaliação do Ibope estimula a continuidade do trabalho e cobra de todas as lideranças um esforço ainda maior para que na próxima pesquisa o crescimento continue”, destaca Moka, aproveitando para pedir o trabalho e o empenho de todos.   

Pesquisas

O Ibope mostrou o seguinte quadro para o Senado: Delcídio do Amaral (PT), da Coligação A Força do Povo, com 59%; Dagoberto Nogueira (PDT), da Coligação A Força do Povo, com 32%;  Waldemir Moka (PMDB), da Coligação Amor, Trabalho e Fé, com 31%; o vice-governador Murilo Zauith, da Coligação Amor, Trabalho e Fé, com 21% e  Jorge Batista (PSOL), com 3%. 16% manifestaram voto a apenas um candidato ao Senado. Os indecisos são 33%, e os votos brancos e nulos somam 5%. A pesquisa do Ibope foi realizada a pedido da Associação Comercial e Industrial de Campo Grande, entre os dias 28 e 31 de julho. Foram entrevistadas 1.204 pessoas na Capital e em municípios das regiões Sudoeste, Leste, Centro-Norte, Norte e do Pantanal. A margem de erro máxima estimada é de três pontos percentuais para mais ou menos. A pesquisa está registrada no TSE e no TRE/MS com o protocolo 26.041/2010.

A pesquisa do Ibrape foi realizada entre 15 e 18 de julho, sob encomenda do jornal Correio do Estado, com um total  de 1.119 eleitores, em 42 municípios, com margem de erro de até 3 pontos percentuais para mais ou para menos,com registro no TRE/MS sob número 23.860/2010.  O resultado para o Senado foi o seguinte: Delcídio do Amaral (49%), Dagoberto Nogueira (41%), Murilo Zauith (24%), Moka (23%), Jorge Batista (2%), Prof. Washington (2%), brancos e nulos (20%), não sabe (39%).


Deixe seu Comentário

Leia Também

PEDOFILIA
Babá de 15 anos recebia dinheiro para ter relações com patrão
PREOCUPANTE
Mineradora declara situação de emergência em barragem de Araxá
INTOLERANCIA RELIGIOSA
Delegado solicita ida à casa do 'BBB 19' para interrogar Paula, investigada por intolerância
RESUMO DAS NOVELAS
Mercedes convoca Murilo para uma conversa
CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico