Menu
prefeitura VICENTINA Março 2019
quarta, 20 de março de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Moka: André pegou um Estado quebrado que hoje investe R$3 bi

22 Jul 2010 - 11h03Por MS Notícias

“Reeleger André Puccinelli é garantir para Mato Grosso do Sul mais quatro anos de trabalho e desenvolvimento”, afirmou o candidato ao Senado pela coligação Amor, Trabalho e Fé, deputado federal Waldemir Moka. “Hoje a gente pode andar por aí de cabeça erguida: o André pegou um Estado quebrado, arrumou a casa, acabou com a corrupção e hoje estão sendo investidos R$ 3 bilhões em obras que geram empregos e melhoram a vida de todas as pessoas”.

Moka lembra que André recebeu um Estado com os salários atrasados, dívida com a União sem pagar e com as contas bloqueadas. “Hoje, a gente percorre o Estado e vê em todos os municípios as 44 mil casas populares garantidas pelo Governo promovendo segurança, dignidade e bem-estar para as famílias”. Moka faz as contas e lembra que foram aplicados mais de R$ 670 milhões na área habitacional e gerados milhares de empregos na construção civil”.

Hoje, o Governo está realizando e vai realizar mais de 2 mil quilômetros de pavimentação e recapeamento de rodovias. São novos caminhos que atraem as indústrias, as quais trazem empregos, que põem salário no seu bolso do trabalhador, comida e conforto dentro de casa.

Moka chama a atenção para outro grande avanço: “Eu sou professor e sei o que vou falar: nunca neste Estado um Governo doou uniforme e material escolar para os alunos, incentivando o estudo e a formação de mais de 300 mil estudantes em todos os municípios”.

Para Moka, essa ação se “chama investir no futuro, acreditar na juventude, apostar na educação e oferecer a certeza de que a vida de milhares de famílias vai mudar para melhor”.

Na questão dos programas sociais, o candidato ao Senado vê grandes avanços. “Acabou o sacolão. Hoje as famílias recebem o auxílio financeiro através de cartão magnético, gastam o dinheiro no comércio do próprio município e, ainda, ajudam a pagar outros salários”. Antes a soam dos beneficiados não passava de 47 mil – hoje está perto de 60 mil famílias ou cerca de 240 mil pessoas.

Moka enaltece a determinação política do governador André que transformou o Vale Renda em lei, garantindo de forma definitiva o direito das famílias. A lei assegura o recebimento da 13ª parcela e mais o reajuste anual do valor do benefício que hoje é de R$ 130,00.

O parlamentar comenta que os programas sociais agora atendem a quem realmente precisa, uma vez que acabou o tempo em que o dinheiro público enchia a barriga de um grupinho escolhido pelo partido que esteve no poder.

Moka diz que em 3 anos e meio nós ajudamos o André a construir um novo Mato Grosso do Sul, um Estado sério e respeitado em todos os setores. Saúde, segurança, saneamento, meio ambiente, em todas as áreas o Estado avançou de uma forma nunca vista.

Uma prova clara desse fato, segundo Moka, é o interesse das grandes indústrias para se instalar no Estado. Fábricas de celulose, indústrias de carnes, siderúrgicas, usinas de álcool e açúcar, fábrica de fertilizantes estão vindo para Mato Grosso do Sul e gerando milhares de novos empregos para a população.

Moka lembra que nada disso ocorre por acaso. “Isto acontece porque o Governo do Estado é honesto, correto e faz a sua parte. Este Governo abre mão de impostos, pavimenta estradas e qualifica trabalhadores, por isso o desenvolvimento acontece”. Moka diz que Mato Grosso do Sul quer continuar crescendo na direção certa, quer abrir caminhos para o progresso, por isso deve continuar sob a direção de homem sério e realizador, que cumpre o que promete”, conclui Moka defendendo a reeleição de André Puccinelli.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Aos 58 anos, atriz Tássia Camargo sofre infarto e está na UTI de Hospital em Portugal
ASSÉDIO SEXUAL
Homem é morto a tiros após assediar mulher casada
FATALIDADE
Mulher morre ao cair de pé de abacate e bater cabeça na linha do trem
MANIACO SEXUAL
Pai flagra estupro da filha dentro de casa usando o celular, suspeito foi preso
FAMOSIDADES
Quem era Bettina antes do R$ 1 Milhão: Ela foi professora de balé, modelo e panfleteira
MENTOR DO MASSACRE
Polícia de Suzano apreende menor suspeito de planejar ataque
INTERNADO
Criança de 4 anos cai em poço de cinco metros de profundidade
RESGATADO
Cão abandonado em ilha estava sendo comido vivo por urubus
SEXTUPLOS
Americana dá à luz seis bebês em nove minutos
TRAGÉDIA EVITADA
Garoto de 11 anos leva faca na mochila para matar colega no ônibus escolar