Menu
LIMIT ACADEMIA
domingo, 23 de setembro de 2018
SADER_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Ministra descarta nova alta dos combustíveis até 2005

25 Nov 2004 - 15h11
A ministra das Minas e Energia, Dilma Roussef, garante que não haverá aumento no preço do combustível até os primeiros meses de 2005. "Não faremos um novo aumento nos próximos meses - fim deste ano e início de 2005. O Brasil não é uma ilha. Se o preço do petróleo explodir, temos que ver que providência tomar, mas até agora acreditamos que ele tende a se estabilizar", diz.

A gasolina fica 4,2% mais cara e o óleo diesel sobe 8% nas refinarias da Petrobras em todo o país, a partir do primeiro minuto desta sexta-feira. O segundo reajuste promovido pela empresa em pouco mais de um mês foi anunciado hoje, sendo que em 14 de outubro a Petrobras já tinha aumentado a gasolina em 2,4% e o diesel em 4,8%.

Segundo a ministra, o aumento do petróleo é maior ao aumento dado ao combustível. "A Petrobrás não aumenta o combustível sem ter uma situação internacional sinalizando que o preço mudou de patamar. Nosso patamar estava bem baixo, então fizemos um pequeno ajuste e ficamos esperando porque ninguém como o mercado de petróleo", explica.

 


Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMBOSCADA
Homem é assassinado na frente do filho de seis anos
FAMOSIDADES
Xuxa rompe silêncio sobre Marlene Mattos e traições de Pelé: ‘Me fez coisas muito feias’
ASSALTANTE
Preso confessou que matou a ex em cela da cadeia
DISPUTA ACIRRADA
Nova pesquisa mostra empate técnico entre Haddad e Bolsonaro
SELEÇÃO BRASILEIRA
Gabriel Jesus retorna para a Seleção
LOTERIA
Mega-Sena acumula novamente e pode pagar prêmio de R$ 22 milhões
HORÁRIO DE VERÃO 2018
Horário de Verão pode ser extinto em todo território nacional
EDUCAÇÃO
‘Desejo continuar com a minha profissão, mas temo pela minha vida’, diz professor agredido em aula
SOB INVESTIGAÇÃO
Jovem é encontrada morta dentro do quarto e esposo está desaparecido
MORTE NO DETRAN
Jovem sofre parada cardíaca durante prova para tirar CNH