Menu
SADER_FULL
quinta, 24 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Ministério Público pede cassação do governador de Rondônia

28 Mar 2007 - 05h25

O Ministério Público Eleitoral ajuizou recurso no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) contra expedição do diploma do governador reeleito de Rondônia, Ivo Cassol (PPS), alegando suposta prática de abuso de poder econômico e compra de votos durante a campanha para o pleito de 2006.

De acordo com o Ministério Público, seriam "fortes os indícios da prática de compra de votos", por meio de um suposto esquema de arregimentação de cabos eleitorais, o qual também teria beneficiado outros candidatos que concorreram aos cargos de senador e deputado federal e estadual.

Segundo a acusação, esses candidatos fariam parte de um esquema que contratou funcionários de uma empresa, às vésperas do primeiro turno das eleições de 2006, para trabalhar como "formiguinhas" - nome dado aos cabos eleitorais em Rondônia.

Os funcionários teriam recebido R$ 100, cada um, para votar nesse grupo de candidatos, incluindo o próprio governador Ivo Cassol.

Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

SALVAMENTO
Bombeiros realizam resgate emocionante de filhote em tubulação, veja o vídeo
MILIONARIO
Apostador de Teresópolis leva sozinho prêmio de R$ 37,9 milhões da Mega-Sena
CASO MILICIANOS
‘Se Flávio errou, terá de pagar e eu lamento como pai’, diz Bolsonaro sobre novos indícios
PREOCUPANTE
Arábia Saudita barra importação de frango de cinco frigoríficos brasileiros
FUTEBOL
São Paulo e Vasco da Gama farão a final da Copa São Paulo
BBB 19
Vanderson é eliminado e vai prestar depoimentos sobre casos de agressão
INVESTIGAÇÃO
Mourão volta a dizer que é preciso investigar Flávio Bolsonaro e punir se for o caso
HEROI
Porteiro ganha homenagem: salvou criança de 3 anos que caiu na piscina (VIDEO)
FAMOSIDADES
Aos 67 anos, Amado Batista assume namoro com jovem de 19 anos de idade
LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente