Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 22 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Mercosul decide avançar na criação do Banco do Sul

22 Mai 2007 - 14h42

Os chanceleres e ministros da Economia dos cincos membros do Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai e Venezuela) concordaram nesta terça-feira, em Assunção, em dar continuidade ao projeto de criação do Banco do Sul.


O chanceler da Venezuela, Nicolás Maduro, afirmou que o futuro Banco do Sul "é uma alternativa forte", uma aposta da América do Sul para acabar com o monopólio das tradicionais entidades financeiras internacionais.

"Eles nos pagam 2% ou 3% pontos por nosso dinheiro e nos cobram em contrapartida de 8% a 10% de juros quando nos emprestam dinheiro. Eles nos roubam. O banco do Sul é uma alternativa forte", frisou Maduro, referindo-se ao Fundo Monetário Internacional e ao Banco Mundial.

O ministro venezuelano comemorou a concretização da iniciativa, depois oito anos de insistência do presidente Chávez em todas as reuniões.

"O presidente Chávez havia oferecido este projeto aos Países não-aliados, aos países asiáticos, a nossos irmãos da África", explicou o secretário de Estado, ao finalizar a reunião extraordinária do Conselho do Mercado Comum do Sul.

Durante o encontro, o presidente do Paraguai, Nicanor Duarte, afirmou que o banco já existe na realidade, mas fez algumas ressalvas.

"O Banco do Sul é uma realidade, mas temores que aperfeiçoar com o tempo seu funcionamento e gestão", destacou o presidente.

A carta de entendimento para a fundação do Banco do Sul será assinada dia 26 de junho em Caracas, Venezuela, no dia da abertura da Copa América de futebol.

Participaram do encontro desta terça-feira, cinco chanceleres e ministros da Economia e da Fazenda dos cinco sócios do Mercosul, preparatória da próxima cúpula cuja data foi marcada hoje para 28 e 29 de junho.

Após o encontro, os chefes de gabinete dos cinco governos e do Equador -país que participou como convidado- se reuniram com o presidente Nicanor Duarte no Palácio de Governo para discutir os termos do projeto financeiro.

 

 

Invertia

Deixe seu Comentário

Leia Também

RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai