Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 19 de dezembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Médico que morreu em assalto tinha parentes em Fátima do Sul

22 Mar 2007 - 08h41

O médico Ademir Aparecido Pimenta dos Reis, 36, morreu na noite de quarta-feira no Hospital Santa Rita de Dourados. Ele foi baleado ontem à tarde, juntamente com a enfermeira Amanda Bharti, 23, e a psicóloga Sueli Lopes Pinheiro, 34, durante um assalto na MS-473, entre Nova Andradina e Taquarussu.

Segundo o DouradosInforma, o automóvel do grupo foi atacado quando passava pela ponte. Os criminosos atiraram várias vezes. As duas outras vítimas também estão sendo transportadas para Dourados.

O médico morreu durante o atendimento. Ele tinha familiares em Dourados e em Fátima do Sul. Na ação, o automóvel de Reis – um Citroën A3C (vermelho, placas não informadas) – foi furtado.

Reis é casado e pai de dois filhos, com sua família residindo em Campo Grande. As autoridades ainda não têm informações sobre o paradeiro dos autores do crime.

Deixe seu Comentário

Leia Também

A QUE PONTO CHEGAMOS
Mãe mata o próprio filho após ser flagrada com amante pelo menino
MINÍSTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Tereza Cristina anuncia seis secretários para Ministério
FAMOSIDADES
Silvio Santos se pronuncia sobre polêmica com Claudia Leitte e reage a campanha feminista
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Sóstenes cometeu crime por amor a Luz
ABUSO SEXUAL
João de Deus se entrega para a polícia
ACIDENTE
Criança de dois anos se enforca com a alça da bolsa enquanto brincava em escola
CASO JOÃO DE DEUS
Marina Ruy Barbosa intervém no caso João de Deus e impede uma grande tragédia
PRISÃO DECRETADA
Justiça de Goiás decreta prisão de João de Deus
STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'