Menu
SADER_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Maternidade vive nova realidade em Glória de Dourados

23 Jul 2007 - 14h47
O presidente da Maternidade da Mãe Pobre de Glória de Dourados, Edwin Baur, abre as portas da instituição hospitalar de Glória de Dourados, para relatar o novo momento, que vive esta entidade filantrópica do qual ele administra a cerca de 4 (quatro) meses, as principais melhorias ocorridas no setor.
Segundo Edwin Baur a maternidade enfrentou uma série de dificuldades no princípio deste ano, sendo até ameaçada de fechar suas portas, atualmente, o presidente observa que já conseguiu melhorar o atendimento ao público, estruturou a equipe médica contratando bons profissionais e também na realização de cirurgias em geral e obstetrícias realizadas no moderno centro cirúrgico pertencente à entidade, do qual já se tornou uma referência para o município e região. “Ao assumirmos encontramos os funcionários e médicos com seus respectivos pagamentos em atraso, a população sem atendimento, e através de muitos esforços, infelizmente com medidas drásticas e graças ao apoio do poder municipal essa situação aos poucos foi sendo revertida, já conseguimos melhorar o atendimento ao público estamos com uma equipe de excelentes profissionais e em busca de melhorar ainda mais o atendimento ao público gloriadouradense”, enfatiza Edwin.
Baur ressalta ainda que a Maternidade aguarda a liberação de recursos provenientes do Governo do Estado pra manter a qualidade do atendimento da entidade. “Já reinvidicamos uma parceria com Governo do Estado pra melhor o funcionamento e a estrutura da Maternidade da Mãe Pobre, a prefeita Vera Baur, já teve audiências com a Secretária de Saúde Beatriz Dobashi, sendo na época apresentado um projeto administrativo da instituição, mas ainda não obtivemos nenhum resultado”, observa o presidente da instituição.
Edwin salienta ainda que acredita no apoio do governo de André Puccinelli, pois o governador conhece pessoalmente os anseios desta instituição e também por no passado ter colaborado com emendas parlamentares em prol da Maternidade quando era deputado federal.
Atualmente, a entidade conta com recursos do SUS-  Sistema Único de Saúde, que são provenientes do governo federal, onde toda a verba recebida são para pagarem os tratamentos e internações para hospitais de pequeno porte, sendo que os casos complexos são encaminhado pela central de vagas cuja a responsabilidade é exclusiva do Estado de Mato Grosso do Sul. “É por isso, que às vezes, o hospital ficar com pacientes em estado de emergência ou em situação critica esperando por uma vaga juntos aos hospitais dos grandes centros, como é o caso dos encaminhamentos para Dourados e Campo Grande, chegando até alguns casos sendo para fora do estado, são situações que dependemos exclusivamente das vagas liberadas pelo o Estado, é por isso que também lutamos para abertura de imediato dessas vagas”, salienta Edwin.
As verbas repassadas pela Prefeitura de Glória de Dourados são para os pagamentos dos plantões médicos realizados nos finais de semanas e no período noturno. Edwin ressalta ainda que o principal objetivo de sua administração à frente desta entidade é oferecer um excelente atendimento à população, pois a maternidade faz parte do patrimônio do município, criado no passado com o principal intuito de beneficiar à comunidade local.
A maternidade conta com a seguinte equipe Médica: Dr. Eduardo Jerônimo de Oliveira, clinico geral e cirurgia; Maria Hélia Pereira de Oliveira, clinica geral, obstetrícia e pediatria; Dr. Alexsandro de Souza, Cirugião geral; Fábio Kazuo Ito, clinico geral; Drª. Viviane Henrich, clinica geral; Dr. Emerson C. Bongiovani, ortopedia e traumatologia;Dr. Claiton Roberto Maia, clínico geral e cirugiaão, Dr. Fernando de Freitas Elias; Dr. Mrcelo Pansera, ultrassonografia, Psicóloga, Drª Cássia de Medeiros Alves e Fisoterapeuta Rosane Mori Akabane Fávero.
 
 
 
Glória News / Andrey Leal

Deixe seu Comentário

Leia Também

MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos