SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 15 de Dezembro de 2017
RIO_DOURADOS
DELPHOS_FULL
1 de Outubro de 2004 17h55

Marta e Serra disputarão São Paulo voto a voto, diz Ibope

O presidente do Grupo Ibope, Carlos Augusto Montenegro, afirmou hoje que o segundo turno na Capital será uma outra eleição e que deverá ser decidida voto a voto. Em entrevista concedida hoje à Agência Estado, ele disse que se o segundo turno fosse realizado hoje, o eleito seria o tucano José Serra. "No dia 31 de outubro (votação do segundo turno) eu não sei, porque o segundo turno muda muito rapidamente, qualquer ponto nesse turno vale dobrado. Uma diferença de 10% pode virar para 4% num piscar de olhos", ponderou.

Com base nessa análise, Montenegro diz que é preciso tomar muito cuidado com as análises feitas sobre essa eleição. "Principalmente porque estamos verificando que há uma parcela grande do eleitor da Marta (prefeita e candidata do PT à reeleição, Marta Suplicy) e do Serra que não são fiéis", disse, exemplificando que o cenário eleitoral, neste caso, pode se alterar rapidamente.

Ao falar sobre a volatilidade desses eleitores, Montenegro avalia: "Os dois candidatos têm currículos muito bons, com nível de seriedade, de não à corrupção, de pessoas bem intencionadas. Mas são dois candidatos que não apaixonam", diz.

Ele afirma que por conta disso, às vezes, aparece mais o defeito do que as qualidades de cada um. "Têm pessoas que estão votando muito mais contra o PT ou ainda contra o governo passado de Fernando Henrique Cardoso, mas não a favor do candidato."

Pesquisas e marqueteiros

O presidente do Grupo Ibope que duas coisas foram muito "endeusadas" nos últimos anos em campanhas eleitorais: os marqueteiros e as pesquisas. "Portanto, acho que está na hora de fazermos uma avaliação. Essa é uma crítica construtiva porque cada vez mais as pessoas, em vez de analisarem as propostas e as habilidades (dos candidatos) nas campanhas eleitorais, ficam acomodadas, esperando os resultados das pesquisas para explorar alguma coisa", diz.

Para ele, o que deveria ocorrer é o inverso. "A pesquisa tem que vir a reboque dos fatos, fazendo uma foto para comprovar o que está acontecendo." Ao falar dos marqueteiros, Montenegro alega que eles não fazem milagre. "Se você não tiver um produto bom, alguém em quem as pessoas acredite, ou mostre a viabilidade dos projetos, não adianta, não tem milagre. Marqueteiro ajuda a lapidar uma situação boa."

Lula X FHC

O presidente do Grupo Ibope acredita que a força do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso nessas eleições municipais é praticamente nula. Segundo ele, com base na análise de que o eleitor sabe distinguir muito bem o pleito municipal das questões federais.

Ele pondera que o apoio do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), tem uma força maior pela proximidade de sua administração com o eleitorado. "Mas também não sei se é uma coisa determinante. Esse apoio pode ter influência na consolidação de voto, mas não na transferência".

Debate

Montenegro avaliou que nem mesmo o debate entre os candidatos que disputam a Prefeitura, realizado ontem pela Rede Globo, deve alterar significativamente o quadro eleitoral. "Eu esperava mais do debate, não acredito que ele tenha sido importante para decidir essa primeira fase de quem vai chegar na frente", disse. "Não acredito que o debate tenha servido para determinar que A ou B chegará na frente."

 

 

Estadão

Comentários
Veja Também
FÁBRICA_CALÇADOS
MBO_SEGURANÇA_300
Nossa_Lojas
Últimas Notícias
  
LISTINHA_ONLINE
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.