Menu
SADER_FULL
segunda, 24 de setembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Marido agride mulher e é morto por cão em SP

28 Set 2004 - 09h54
Um homem tentou agredir sua mulher e acabou morto por um cachorro da raça Rottweiler em São Paulo. Renato Danesi Neto, de 55 anos, foi atacado pelo seu cão de guarda no bairro Jardim Aricanduva, zona leste da capital.

De acordo com a Rádio CBN, chegou em sua casa por volta das 3 horas e começou a discutir com sua mulher Valéria Bernadete Danesi, de 51 anos. A Polícia Militar, que investiga o caso, informou que ambos eram alcoólatras.

Renato passou a agredir Valéria. O Rottweiler do casal partiu em defesa da mulher. Neto foi encontrado morto no banheiro. A filha do casal, Renata Adriana Danesi, declarou aos policiais que sempre que o pai agredia sua mãe, o cachorro a defendia. O Rottweiler foi encaminhado ao Centro de Controle de Zoonoses.
 

 

Invertia

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMBOSCADA
Homem é assassinado na frente do filho de seis anos
FAMOSIDADES
Xuxa rompe silêncio sobre Marlene Mattos e traições de Pelé: ‘Me fez coisas muito feias’
ASSALTANTE
Preso confessou que matou a ex em cela da cadeia
DISPUTA ACIRRADA
Nova pesquisa mostra empate técnico entre Haddad e Bolsonaro
SELEÇÃO BRASILEIRA
Gabriel Jesus retorna para a Seleção
LOTERIA
Mega-Sena acumula novamente e pode pagar prêmio de R$ 22 milhões
HORÁRIO DE VERÃO 2018
Horário de Verão pode ser extinto em todo território nacional
EDUCAÇÃO
‘Desejo continuar com a minha profissão, mas temo pela minha vida’, diz professor agredido em aula
SOB INVESTIGAÇÃO
Jovem é encontrada morta dentro do quarto e esposo está desaparecido
MORTE NO DETRAN
Jovem sofre parada cardíaca durante prova para tirar CNH