Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 25 de março de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Marido agride mulher e é morto por cão em SP

28 Set 2004 - 09h54
Um homem tentou agredir sua mulher e acabou morto por um cachorro da raça Rottweiler em São Paulo. Renato Danesi Neto, de 55 anos, foi atacado pelo seu cão de guarda no bairro Jardim Aricanduva, zona leste da capital.

De acordo com a Rádio CBN, chegou em sua casa por volta das 3 horas e começou a discutir com sua mulher Valéria Bernadete Danesi, de 51 anos. A Polícia Militar, que investiga o caso, informou que ambos eram alcoólatras.

Renato passou a agredir Valéria. O Rottweiler do casal partiu em defesa da mulher. Neto foi encontrado morto no banheiro. A filha do casal, Renata Adriana Danesi, declarou aos policiais que sempre que o pai agredia sua mãe, o cachorro a defendia. O Rottweiler foi encaminhado ao Centro de Controle de Zoonoses.
 

 

Invertia

Deixe seu Comentário

Leia Também

PAULISTÃO IV
“Hoje foi realmente a estreia do São Paulo”, diz Mancini após vitória
PAULISTÃO III
Carille vê Corinthians abaixo: “Fomos premiados com o empate”
PAULISTÃO II
Com falha e ‘milagre’ de Prass, Palmeiras busca empate com gol de estreante
PAULISTÃO
Santos aproveita falhas do Red Bull e abre boa vantagem no Pacaembu
MOSTRA MONITORAMENTO
Caminhoneiros se mobilizam para nova paralisação
CRIME NA MADRUGADA
Mulher é brutalmente assassinada; carro foi visto deixando o local
CRIMINOSO FORAGIDO
Homem invade apartamento para roubar e estupra adolescente
FAMOSIDADES
Leonardo não foi ao casamento da filha, Jéssica, porque se irritou com o "cache" recebido pelo casal
DOENÇA TERRIVEL
Jovem com câncer terminal foge de hospital, realiza desejo de comer hambúrguer e morre
SUICIDIO
Técnica de enfermagem tira a própria vida dentro de banheiro de hospital