Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 19 de outubro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Maciço florestal de MS pode ser o maior do mundo prevê Junior Mochi

15 Jul 2010 - 16h10Por Fátima News com assessoria

O maciço florestal de Mato Grosso do Sul, um dos maiores do Brasil, passará a ter um crescimento excepcional nos próximos anos e se tornará uma das maiores reservas florestas plantadas do mundo, avançando uma extensa área de Campo Grande a Três Lagoas. A avaliação é do deputado estadual Junior Mochi (PMDB), que participou da I Semana da Madeira e da Floresta em Ribas do Rio Pardo, que reúne palestrantes de vários estados do Brasil e do mundo. O evento, que começou na segunda-feira (12), termina amanhã (16).

Junior Mochi participou ontem do encontro e visitou as instalações da empresa Vetorial, grupo familiar que foca suas atividades no setor minero-siderúrgico, mais especificamente na produção de ferro gusa a carvão vegetal. Trata-se, segundo o deputado, do “gusa verde” que é a  produção de ferro gusa com carvão vegetal produzido por florestas plantadas.

“Ficamos impressionados não só com a qualidade do evento que reuniu grandes lideranças sobre o assunto, como também pela contribuição que esse setor proporcionará para o meio ambiente”, comentou Junior Mochi depois de visitar outra empresa, a Ramires Reflorestamentos, que atua no fornecimento de madeira de pinus e eucalipto para serrarias e laminadoras de Mato Grosso do Sul.

O deputado diz que a silvicultura é a que mais cresce hoje em Mato Grosso do Sul e que surge numa boa hora, de diversificar a matriz econômica do Estado. “A silvicultura  e as indústrias a ela agregadas representam  hoje um grande potencial para investimento no Estado”, afirma Junior Mochi que prevê a geração de centenas de novos empregos.

Junior Mochi visitou também a Ramires Reflorestamento, que possui, segundo  o deputado, o maior maciço florestal do Estado. “Testemunhei também a preocupação da referida empresa com a produção de mudas da mais alta qualidade genética na área de eucalipto”, comentou.

Grande defensor da diversificação econômica em Mato Grosso do Sul, Junior Mochi, candidato à reeleição, garante que a exploração de florestas plantadas no Estado poderá  gerar a instalação de grandes indústrias e gerar centenas de emprego e renda. “Precisamos criar novas oportunidades de trabalho e diversificar nossos potenciais econômicos e o reflorestamento e todo processo que norteia essa atividade prometem corresponder a essas expectativas”, comentou o deputado.

O empresário Ramires Junior, que comanda a empresa (Ramires Reflorestamentos) há 37 anos, disse que “a gente quer mostrar aqui que eucalipto não é só para fazer ‘carvão, não é só ter madeira pra energia, ele pode fazer móveis e outros produtos, produzindo outras alternativas que o eucalipto pode trazer”, afirma.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Após suborno e tentativa de estupro, Remy se entrega a polícia para deixar Luzia livre
REALITY SHOW
Perlla é eliminada de A Fazenda com 22,64% dos votos
RETA FINAL
'Segundo sol': Antes de ir para a cadeia, Luzia pede: 'Continuem procurando por Remy! Ele está vivo!
CASO LETICIA
Adolescente morta a facadas contou a amigos que pai estuprou a tia na sua frente:'Tinha quatro anos'
MOTIVO FUTIL
Camera ajuda na indentificação de Homem que confessa ter matado mulher após falhar na "Hora H"
A CASA CAIU
Rapaz é agredido pelas sete namoradas que descobriram traição
SEGUNDO SOL
Beto confronta Karola: 'Você roubou a vida de outra mulher'
DEFICITÁRIAS
Correios fecham 02 agências no MS e 39 no país
VICENTINA - LEILÃO ELETRÔNICO
Justiça realizará leilão eletrônico de imóveis urbanos e trator de VICENTINA
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Conclusão do Comperj deve gerar 8 mil vagas em 2019