Menu
SADER_FULL
domingo, 9 de dezembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Leia a coluna "FALA SÉRIO !" por A.J.Rettenmaier

29 Out 2010 - 11h06Por

Quando você aprender a fingir sinceridade...


Estará pronto para o sucesso!

Essa é uma máxima milenar que bem pode se aplicar nos dias de hoje e que também pode ser completada com a outra que diz que “Não basta ser a mulher do rei, mas saber representá-la!”

É natural que pode parecer estranho estarmos aqui falando de fingir sinceridade, e de que alcançar a perfeição no seu ato, ser ponto primordial para alcançar o convencimento das pessoas. Se não fosse assim, vamos ser sinceros, não teríamos tantos bons atores e muito menos tantos messias que proliferam no nosso dia a dia. Só que a grande maioria, julga ter chegado à perfeição, embora esteja ainda à anos luz dela. “Pode até convencer meia dúzia, mas para treze, faltarão sete.”, diz também outra velha máxima.

Se tiver um lado bom nesta arte de fingir sinceridade, é que alguns ficam tão bons na coisa, que acabam virando realmente pessoas sinceras, e não se duvide disso. Pense com calma para ver se não é verdade.

De qualquer maneira, a única coisa certa é de é preciso representar e bem a sinceridade, pois caso contrário, ao menor deslize ou contradição, se vão por água abaixo todas as cenas anteriores.

Um dos mais importantes aspectos a serem trabalhados na questão da sinceridade está na verdade, porque esta não perdoa mesmo. A verdade não só é mais estranha do que a ficção, mas muitas vezes, a menos crível. Por isso temos em grande parte de nossas vidas o uso daquela expressão, “Olha só! Quem diria hein?”

Quantas vezes já se devem ouvido por aí a expressão, “Ele é tão mau ator, que não engana nem a ele mesmo!”. É que não deve ter aprendido direito a fingir sinceridade, ou quem sabe, jamais conseguirá fazê-lo porque não consegue sê-lo nem fingindo. Pode ficar ensaiando o discurso horas e dias a fio diante de um espelho, e enganando a sim mesmo, porque ao final será então derrubado pela verdade, até aquela mesmo, menos crível.

Antonio Jorge Rettenmaier, Cronista, Escritor e Palestrante, membro da AGEI, Associação Gaúcha dos Escritores Independentes. Esta coluna está em mais de setenta jornais impressos e eletrônicos no Brasil e Exterior.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VICENTINA - ALMOÇO NO PESQUEIRO
Pesqueiro 7 Bello serve delicioso almoço com pratos típicos do peixe neste domingo em VICENTINA
COVARDIA
Mulher agride menino autista em playground e vídeo viraliza
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Nicolau descobre que Diana luta karatê e fica em choque
ACUMULOU
Ninguém acerta a mega-sena e prêmio acumula em R$ 30 milhões
VIOLENCIA
'Tiro, porrada e bomba': festa em universidade acaba em pancadaria e PM responde com violência
NOVELA GLOBAL
Gabriel confronta Valentina em “O Sétimo Guardião”
ARROCHO
Regra defendida por Bolsonaro tira R$ 1,1 mil por mês das novas aposentadorias
BARBÁRIE
Mulher é presa após atear fogo em cachorro
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Feliciano foi muito rico e ajudou Valentina no passado
SE DEU MAL
Assaltante é morto após fazer idosa de 83 anos refém no Rio de Janeiro