Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 20 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Leia a coluna “Esporte e Política” de Silva Júnior

10 Ago 2004 - 08h13

PRELIMINAR   

 

Silva Júnior

 

"Esporte e Política"

                      

               

No Brasil, graças a Deus, temos o melhor sistema de viver no mundo: a democracia. Podemos expressar pensamentos e ações, discutir assuntos e divergir idéias, enfim, uma série de fatores que podem resultar em beneficio à sociedade como um todo. Neste ano, mais uma vez, vamos através do voto escolher nossos representantes, ou melhor, entregar uma carta assinada em branco, àqueles que estarão nos representando junto às câmaras municipais e prefeituras, por todo esse Brasil.

Neste ínterim, observamos as propostas apresentadas pelos postulantes aos cargos eletivos, todas baseadas na educação, saúde, segurança, trabalho e melhoria de vida para todos. Notadamente, em relação ao esporte, um dos aspectos mais importante para auxiliar e atuar até na prevenção de muitas doenças,  pouco ou nada tem se falado, e infelizmente, não faz parte do programa de muitas coligações, e até nos surpreendemos, quando alguém que não é da área, fala do assunto com desenvoltura duvidosa.

Este processo não pode ser atropelado, nem tampouco conduzido com reservas, pois pode resultar em grandes decepções, se prosseguir teimosamente sob pretexto obscuro e irresponsável. 

 

Lembrem-se

Os desportistas exercem uma força muito grande quando se trata de discutir, avaliar, decidir, discernir, cobrar, participar e escolher seus líderes. Nas minhas andanças, tenho observado o comportamento e o comprometimento de vereadores, lideranças empresariais, sociais e religiosas neste campo.

Os da área estão sempre galgando degraus. Portanto, o momento urge uma retrospectiva dos dias passados, ouvindo e analisando o presente, com vistas ao que pode representar no futuro. A escolha é livre. Neste contexto, pergunto: Como está a área esportiva e recreativa de sua cidade? Boa, mais ou menos, ruim, péssima, meia-boca ou inexistente?     

Faça uma reflexão profunda. Independente de modalidade. Você condena ou absolve os seus governantes? Quantas vezes eles estiveram presentes (fisicamente) nas atividades. Esta prosa de “já mandei elaborar um projeto revolucionário”, “mandei aquilo”, não passa de falácia, é tudo balela. Só para ter idéia, o esporte demanda parcos recursos, traz bons resultados e promove integração social impressionante. 

Cuidado. Pense naquele importante alerta do trânsito: na dúvida...

 

 

Cá taremos terça-feira que vem...

Deixe seu Comentário

Leia Também

SUPERAÇÃO
Jovem que morou 5 anos nas ruas se forma em Direito
FENÔMENO
Maior superlua de 2019 iluminará o céu nesta terça, 19
FAMOSIDADES
Padre sertanejo acusado de ostentação cobra entrada de idosos para assistir programa
ACIDENTE FATAL
Adolescente é atropelada quando levava pai em cadeira de rodas, veja o vídeo
VIOLENCIA DOMESTICA
'Não consigo reconhecê-la', diz irmão de mulher espancada no 1° encontro
O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa