Menu
SADER_FULL
sexta, 18 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Largada do GP Brasil será um hora mais cedo

5 Out 2004 - 13h17
A pouco menos de 20 dias do Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1, o horário da largada foi alterado. A prova tinha início previsto para 15h (de Brasília), mas foi antecipado em uma hora.

A mudança foi realizada após a confirmação do adiamento do horário de verão de outubro para novembro. Assim, a antecipação no horário brasileiro mantém a programação para os europeus.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) temia problemas nas urnas eletrônicas, ajustadas para o horário normal, e pediu o adiamento do horário de verão.

O governo brasileiro confirmou nesta segunda-feira a mudança através de um Decreto Oficial assinado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O horário de verão começa no dia 2 de novembro e termina no dia 20 de fevereiro de 2005.

Apesar se ser a última etapa do Mundial 2004, o Grande Prêmio do Brasil vai apenas cumprir tabela. O alemão Michael Schumacher já garantiu o título do Mundial de Pilotos por antecipação, enquanto o brasileiro Rubens Barrichello já tem o vice assegurado.

Os dois pilotos garantiram também a taça do Mundial de Construtores à Ferrari por antecipação.

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS
DECEPCIONADA
Regina Duarte surpreende e se posiciona contra atitude de Bolsonaro
SATÂNICO
Mulheres são presas acusadas de torturar criança de apenas dois anos que teve rosto desfigurado
INSPIRAÇÃO
Idoso se forma em Direito aos 94 anos, após morte da esposa
POLEMICA
Movimento Gay quer tirar Bíblia de circulação no Brasil, diz Damares
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Homem atira em esposa e se mata com granada
SUPERAÇÃO
Pedreiro cadeirante enfrenta difilculdades e sustenta a família trabalhando em obras