Menu
SADER_FULL
quarta, 12 de dezembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Karatecas de MS viajam amanhã para participar do Brasileiro

14 Jul 2004 - 08h13
 

Pelo menos 40 atletas de Mato Grosso do Sul viajam amanhã a Goiânia (GO) para participar do Campeonato Brasileiro Mirim e Infantil de Karatê, que será realizado de 17 a 19 de julho. A delegação do Estado é formada por 50 pessoas entre atletas e dirigentes, técnicos e árbitros.

De acordo com informações do presidente da Federação de Karatê de Mato Grosso do Sul, professor Hélio Arakaki, a participação da delegação do Estado está sendo possível graças ao FIE (Fundo de Investimento Esportivo) da Fudesporte (Fundação do Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul).

Hélio Arakaki disse que os atletas do Estado, na faixa etária de 6 a 13 anos, estão bem preparados para competir em igualdade com atletas de qualquer Estado do País. “Nosso nível técnico não deixa nada a desejar mesmo para os grandes centros como São Paulo, Rio e Minas Gerais. Não temos dúvida de que mais uma vez, nossos atletas vão se destacar nesse campeonato”, afirmou Arakaki, que também acompanha a equipe a Goiás.

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Aranha descobre marca de pata de gato de Gabriel, tira foto e conta aos guardiã
SUSTO
Celular pega fogo no bolso da calça e deixa homem com queimaduras na perna e mãos
PROCURADO
Com prisão decretada desde setembro, Dado Dolabella é considerado foragido da Justiça
DICAS DE MARKETING
5 dicas de marketing para um negócio de dropshipping
CRIME HEDIONDO
Câmera flagra ataque de suspeito de estuprar garota de 14 anos em SP; vídeo
TERROR
Ataque dentro da Catedral deixa ao menos cinco mortos em Campinas
REVIDE
Passageiro atropelado por motorista de aplicativo após vomitar em carro está em coma
A SERVIÇO DE DEUS
Angela Bismarchi festeja diploma para ser pastora: ‘Eu era pecadora e não sabia’
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz dá caixa com terra de cova de Gabriel para Valentina
INTOCÁVEL
PF pediu prisão domiciliar de Aécio, Cristiane Brasil e Paulinho da Força, mas PGR e STF não concede