Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 22 de julho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Justiça do Rio autoriza quebra do sigilo telefônico do goleiro Bruno

28 Jul 2010 - 15h20Por Folha Online

O juiz Marco José Mattos Couto, da 1ª Vara Criminal do Rio, determinou a quebra do sigilo telefônico do goleiro Bruno Fernandes para saber quais ligações foram realizadas e recebidas nos dias 12 e 13 de outubro de 2009, quando Eliza Samudio teria sido sequestrada e agredida pelo jogador.

O telefone também era usado por Luiz Henrique Romão, o Macarrão, amigo de Bruno. A quebra se refere apenas aos dois dias.

A decisão do juiz está no processo no qual Bruno e Macarrão foram denunciados por lesão corporal, sequestro e cárcere privado de Eliza. Na época, estava grávida. O filho, segundo ela, é do jogador.

Bruno nega os crimes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOENÇA DO SÉCULO
Jovem que se jogou da ponte foi encontrado por pescador
MUITO TRISTE
Adolescente perde luta para o câncer e comove toda cidade
TRAGÉDIA
Neto de empresário de transportes morre atropelado por funcionário
CRUELDADE
Criança que estava desaparecida é encontrada morta. Padrasto confessou o crime
BARBÁRIE
Apos perder filha com câncer professora envolve com drogas e é assassinada
DESEMPREGO
Toyota anuncia fim do terceiro turno e demissões em Sorocaba e Porto Feliz
ABUSO SEXUAL
Famílias de jovens abusados sexualmente em estação fazem acordo com Supervia
NOVELA GLOBAL
Em 'A dona do pedaço', Lyris ameaça Agno e faz escândalo dizendo que ele é gay
FAMOSIDADES
Mulher de Eduardo Bolsonaro desativa conta no instagram em meio a polêmica com o marido
CONCURSOS
Ao menos 12 órgãos abrem inscrições para preencher quase 800 vagas