Menu
SADER_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Justiça determina prisão de prefeito de Barrinha (SP)

31 Mai 2007 - 16h20

A Justiça determinou a prisão, por desobediência, de Said Ibraim Saleh (PMDB), prefeito de Barrinha, a 353 km de São Paulo, na região de Ribeirão Preto. Em 2005, o prefeito repassou quase R$ 306 mil a mais do que deveria para a Câmara Municipal da cidade. No ano seguinte, antes da interferência do Tribunal de Contas, criou uma lei para

recuperar o valor, em repasses mensais feitos ao Legislativo. Julgando a decisão inconstitucional, a Câmara conseguiu uma liminar na Justiça para que os repasses fossem suspensos. O prefeito não obedeceu a ordem.

 

A prisão em flagrante foi decretada na quarta feira (30) pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.

 

O assessor jurídico levou a ordem de prisão do prefeito à delegacia de Barrinha, mas o delegado explicou que não poderia cumprir a determinação de imediato porque estava “sem ninguém” no momento.

A reportagem tentou falar com o prefeito, mas a informação na prefeitura era que ele não estava na cidade.

 

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai