Menu
SADER_FULL
quinta, 15 de novembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Justiça determina prisão de prefeito de Barrinha (SP)

31 Mai 2007 - 16h20

A Justiça determinou a prisão, por desobediência, de Said Ibraim Saleh (PMDB), prefeito de Barrinha, a 353 km de São Paulo, na região de Ribeirão Preto. Em 2005, o prefeito repassou quase R$ 306 mil a mais do que deveria para a Câmara Municipal da cidade. No ano seguinte, antes da interferência do Tribunal de Contas, criou uma lei para

recuperar o valor, em repasses mensais feitos ao Legislativo. Julgando a decisão inconstitucional, a Câmara conseguiu uma liminar na Justiça para que os repasses fossem suspensos. O prefeito não obedeceu a ordem.

 

A prisão em flagrante foi decretada na quarta feira (30) pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.

 

O assessor jurídico levou a ordem de prisão do prefeito à delegacia de Barrinha, mas o delegado explicou que não poderia cumprir a determinação de imediato porque estava “sem ninguém” no momento.

A reportagem tentou falar com o prefeito, mas a informação na prefeitura era que ele não estava na cidade.

 

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

ENCONTRO DE GOVERNADORES
Em encontro de governadores com Bolsonaro, Reinaldo defende fronteira e reajuste da tabela SUS
VIOLENCIA DOMESTICA
Homem é esfaqueado por esposa que tem ciumes até da sombra
ENTROU ATIRANDO
VÍDEO: Pastor é baleado no altar durante o culto
TRAGEDIA
Ex-prefeito é morto pelo pai após ser confundido com assaltante
ACIDENTE DE TRANSITO
Caminhão passa por cima de veículos e explode em grave acidente
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Marilda (Letícia Spiller) é flagrada nua e finge ser uma assombração
BNDS
“Se não abrir a caixa preta do BNDES, está fora!”, diz Bolsonaro sobre Levy
FAMOSIDADES
Susana Vieira está com leucemia, mas a doença está controlado, diz assessoria
NOVELA GLOBAL
Marina Ruy Barbosa é a heroína de 'O sétimo guardião': 'Luz foge do tradicional'
CONSTRANGIMENTO
Claudia Leitte quebra silêncio e desabafa sobre polêmica com Silvio Santos