Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 10 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Justiça bloqueia bens de ex-senador e 18 no Pará

27 Abr 2007 - 17h26
A Justiça Federal do Pará tornou indisponíveis os bens de dezenove pessoas e nove empresas envolvidas no desvio de verbas públicas da Companhia Docas do Pará (CDP). Entre os que tiveram os bens bloqueados está o ex-senador pelo Estado, Ademir Andrade (PSB).

A denúncia contra os acusados foi feita em outubro do ano passado pelo procurador-chefe do Ministério Público Federal (MPF) no Estado, Felício Pontes Júnior, que apontou a existência de uma quadrilha dentro da CDP comandada por diretores do órgão, entre eles Ademir Andrade, que na ocasião era o presidente.

Segundo Pontes Júnior, as irregularidades começavam na seleção das obras e das empresas que iriam realizá-las. Eram sempre as mesmas. Havia casos de licitações disputadas por empresas de um mesmo proprietário. Também ganhavam concorrência empreiteiras ligadas a diretores da CDP.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CENTRO ESPÍRITA
Médium é acusado de Abusos Sexuais em crianças
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Nicolau leva surra de chicote no bordel
COVARDIA
Mulher agride menino autista em playground e vídeo viraliza
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Nicolau descobre que Diana luta karatê e fica em choque
ACUMULOU
Ninguém acerta a mega-sena e prêmio acumula em R$ 30 milhões
VIOLENCIA
'Tiro, porrada e bomba': festa em universidade acaba em pancadaria e PM responde com violência
NOVELA GLOBAL
Gabriel confronta Valentina em “O Sétimo Guardião”
ARROCHO
Regra defendida por Bolsonaro tira R$ 1,1 mil por mês das novas aposentadorias
BARBÁRIE
Mulher é presa após atear fogo em cachorro
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Feliciano foi muito rico e ajudou Valentina no passado