Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 18 de agosto de 2018
SADER_FULL
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Juíza rejeita denúncia contra médicos de Cássia Eller

25 Nov 2004 - 07h32
A juíza da 29.ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio, Maria Tereza Donatti, rejeitou hoje denúncia do Ministério Público Estadual contra os médicos Marcos Vinicius Gondomar de Oliveira e Jorge Francisco Castro Y Peres. Os dois são acusados de terem agido com imperícia no tratamento da cantora Cássia Eller, morta em 29 de dezembro de 2001, na Casa de Saúde Santa Maria, em Laranjeiras, na zona sul da cidade.

Agora, o processo volta ao MP, que poderá apresentar outra denúncia com base em fatos novos ou recorrer à segunda instância do Tribunal de Justiça. Segundo a juíza, os promotores se basearam na suposição de que Cássia Eller teria ingerido álcool e cocaína antes de morrer, o que não ficou comprovado pelo exame toxicológico. "A denúncia tem que se basear em dados efetivos extraídos do inquérito policial. Não pode se fundar em meras conjecturas, divorciadas da realidade", disse Donatti.

A juíza afirmou ainda que nem as considerações feitas pelas peritas legistas Tânia Donati Paes Rios e Eliani Spinelli, a pedido do MP, dão suporte à acusação. A primeira informou não ser possível apontar, com segurança, a razão da primeira parada cardíaca sofrida pela cantora. E a segunda, sustentou que Cássia Eller não tinha diversos sintomas típicos de um usuário de estimulante, no caso, cocaína.

Segundo o laudo cadavérico, Cássia Eller morreu por causa de um infarto do miocárdio consecutivo a múltiplas paradas cardio-respiratórias. A princípio, o MP pediu o arquivamento do inquérito, o que foi rejeitado pelo então juiz titular da 29.ª vara, Joaquim Domingos de Almeida Neto. Ele, por sua vez, encaminhou o inquérito para o procurador-geral da Justiça do Estado. Depois de realizar novas diligências, os promotores decidiram oferecer denúncia alegando imperícia dos médicos.

 

Estadão

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME PASSIONAL
Marido flagra esposa com suposto amante e caso termina em morte
NOVELA GLOBAL
Remy pode não ter morrido em 'Segundo sol'; veja os indícios
TECNOLOGIA
Segunda via do RG pode ser solicitada pela internet
BOA AÇÃO
Empresário curado faz doação milionária para hospital público
VIOLENCIA
Homem desce do carro e mata mulher com tiro a queima roupa
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Laureta confessa que matou Remy; Karola foi cúmplice
PRESO EM 2010
Morre o homem apontado como maior contrabandista de cigarros do País
ELEIÇÕES 2018 - REGISTRO FEITO
AGORA: PT registra candidatura de Lula e tem até 17 de setembro para trocar candidato
BRIGA DE FAMILIA
Briga de irmãos termina com faca cravada na cabeça de jovem adolescente
NOVELA GLOBAL
Em 'Segundo sol', Zefa rompe com Severo: 'Você não merece nada de bom de mim!'