Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 17 de setembro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Juíza preocupada com a ordem nas eleições em F. do Sul

2 Out 2004 - 09h49
Em entrevista concedida ontem à tarde à Rádio Globo de Fátima do Sul, a juíza eleitoral Katy Braun do Prado declarou estar preocupada com o clima acirrado que teria se desencadeado nos últimos dias com vistas às eleições municipais nos municípios de Fátima do Sul, Vicentina e Jateí.
Prometendo que vai “pegar pesado” no dia das eleições, a juíza afirmou que até a semana passada tudo se transcorria bem, mas nos últimos dias aumentaram os “riscos de ilegalidades e abuso malicioso”. Segundo a magistrada, uma das causas seriam a participação de determinados eleitores nos atos ilegais: “Enquanto tiver eleitor imoral, vão acontecer esses fatos”.
A juíza prometeu “agir com dureza” durante as eleições e revelou que sua maior preocupação é com a possibilidade de se formarem “torcidas organizadas” no dia da eleição, o que seria caracterizado como abuso de poder e aumentaria a possibilidade de atritos entre grupos.
Indagada sobre o uso de camisetas que identifiquem sua preferência de candidatos, a juiza afirmou que a manifestação é permitida, mas deve ser individual e silenciosa, ou seja, duas ou mais pessoas (inclusive marido e mulher) que estejam juntos usando o mesmo tipo de camiseta poderão ser detidos pela autoridade policial. “Não é proibido o uso de camiseta, mas, recomendo: se não quiserem ter problemas, evitem. Ou a população atende a Justiça eleitoral ou vão ter problemas durante todo o dia”, enfatizou.
Adesivos, comícios, carreatas, entrevistas, e execução pública de música de propaganda política, também estão proibidas, bem como a divulgação de pesquisas de boca-de-urna e a venda de bebida alcoólica pelo comércio (à partir da meia noite a meia noite do dia 03). A juíza finalizou a entrevista afirmando: “Se tudo estivesse correndo bem como estava até a semana passada, não teríamos problemas. À partir do momento que as pessoas foram ‘convocadas’ pra comparecer uniformizadas o problema surgiu, e é por isso que eu endureci tanto. Sinceramente não era este o meu desejo”. A juíza concluiu a entrevista afirmando que o compromisso firmado com os partidos não foi observado, e por isso “a Justiça eleitoral também vai mostrar o poder que tem. Esse poder está na caneta!”.
 
 
Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVELA GLOBAL
Em 'A dona do pedaço', Régis se aproxima de Maria da Paz, que fica mexida com ex
ALTOS HONORÁRIOS
Advogados cobram R$ 4,4 milhões de Viúva da Mega-Sena em honorários na Justiça
TRAGEDIA
Pai tenta salvar filho em incêndio, mas os dois morrem
MUNDO MEDONHO
'Pago boleto, compro calcinha': usuários de aplicativos de paquera relatam apuros e curiosidades
FAMOSIDADES
Belo sai de casa após flagrar traição de Gracyanne
ASSASSINATO
PM é torturado e morto após circular boato de que seria 'estuprador'
JULGAMENTO
PMs acusados de chacina taparam câmera de segurança antes do crime
CASO DE POLÍCIA
Catador de reciclável recebe mochila com bebê congelado dentro
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo morre após carro bater em árvore em rodovia de MS
FAMOSOS
David Brazil causa ao expor bumbum de Anitta sem ela saber