Menu
SADER_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Juiz vai mandar prender quem vender bebida alcóolica a menor

15 Jun 2007 - 14h59

O juiz Zaloar Murat Martins, da Vara de Infância e Juventude de Dourados, anunciou mais rigor no cumprimento da lei que prevê prisão em flagrante para quem vender ou entregar bebidas alcoólicas a pessoas com menos de 18 anos no município. Ele quer uma fiscalização ostensiva em pontos de concentrações de menores, especialmente em região de casas noturnas, lanchonetes e afins.

Zalor Martins também solicitou que a Polícia Militar faça abordagem a todo menor que estiver na rua à noite e desacompanhado. "A criança ou adolescente nestas condições deverá ser encaminhado ao Conselho Tutelar, para ser entregue aos pais. O caso, inclusive, poderá parar no Ministério Público", alertou.

O comandante da Guarda Municipal, sargento Rui Zanco, foi incumbido de fortalecer a ronda escolar, que vem coibindo a entrada de armas, drogas e de pessoas suspeitas nas escolas. Fora o comércio de bebidas a menores e que, segundo o juiz, vem tirando o sossego das famílias e da sociedade, a perturbação de sossego devido a som em alto volume madrugada adentro é outro problema crônico na cidade de Dourados.

O juiz acredita que os abusos têm relação direta com o consumo do álcool e, para ele, os pais estão deixando os filhos "soltos", sem limites, o que acaba gerando um problema social grave. Uma recente portaria baixada por Zalor Martins proíbe a entrada de menor de 18 anos em festa onde há consumo livre de bebidas alcoólicas. Também é proibido o ingresso de adolescentes com idades entre 14 e 16 anos em danceterias, boates e outros estabelecimentos ou festas do gênero.

 

 

Mídia Max

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física