MEGA_OKA_CARROS_
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 20 de Outubro de 2017
DELPHOS_FULL
14 de Agosto de 2004 07h19

Judô brasileiro fracassa no primeiro dia de disputa

Terceiro esporte que mais medalhas rendeu ao Brasil na história dos Jogos Olímpicos (dois ouros, três pratas e cinco bronzes), o judô viu os dois representantes do país que lutaram neste sábado serem eliminados dos Jogos Olímpicos de Atenas.

Alexandre Lee, da categoria ligeiro (-60kg), perdeu logo na primeira luta para Armen Nazaryan, da Armênia, por wazari (golpe inferior somente ao ippon, que é o equivalente ao nocaute do boxe).

Como Nazaryan não conseguiu chegar às semifinais --perdeu em seguida para o iraniano Masoud Haji Akhondzade--, Lee não poderá disputar a repescagem para tentar a medalha de bronze.

A mesma situação viveu a brasileira Daniela Polzin, da categoria ligeiro (-48kg). Ela foi derrotada na estréia pela chinesa Feng Gao, por ippon (pontuação máxima). A chinesa, no entanto, também não conseguiu chegar às semifinais --perdeu para a francesa Frederique Jossinet-- e eliminou a brasileira.

Desde Los Angeles-84 os brasileiros sempre voltam para casa com pelo menos uma medalha no judô.

Em Atenas, o Brasil tem time completo de homens e cinco mulheres. A equipe tem dois medalhistas olímpicos: Carlos Honorato, prata em Sydney-2000, e o meio-leve Henrique Guimarães, bronze em Atlanta-96.

Único brasileiro apontado como favorito pelo site da Federação Internacional de Judô, o médio Carlos Honorato estréia na quarta-feira contra o argelino Khaled Meddah. Seus principais rivais, o holandês Mark Huizinga --que o derrotou na final de Sydney-- e o sul-coreano Hee-tae Hwang, atual campeão mundial, ficaram do outro lado da chave e só podem cruzar o caminho do brasileiro em lutas por medalhas.
 
Folha Online
Comentários
Veja Também
Nossa_Lojas
REINO_MATRÍCULAS_2017
FÁBRICA_CALÇADOS
Últimas Notícias
  
BANNER_LATERAL_ASSOMASUL
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.