Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 24 de maio de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

José Donizete é acusado de pagar cruzeiro com verba pública

27 Jun 2007 - 13h00
A Polícia Civil e o Ministério Público Estadual de Cassilândia investigam o uso de R$ 3,9 mil de recursos públicos para cobrir despesas de uma viagem de transatlântico feita em fevereiro, com itinerário de Santos (SP), Búzios (RJ) até Angra dos Reis (RJ), feita pelo prefeito daquele município, José Donizete Ferreira de Freitas (PT) e o ex-secretário Municipal de Turismo, Adenilson Pereira Camargo.

A viagem havia sido marcada para que os dois pudessem participar de um congresso promovido pela Associação dos Prefeitos e Vice-Perefeitos do Brasil (ANPV), do dia 8 a 11 de fevereiro, que teria sido cancelado. Em depoimento prestado por Luceni Quitino Corrêa, uma das servidoras presas durante a Operação Judas do MPE e da PC de Cassilândia, ela disse que o ex-secretário pediu vale de R$ 985,00 para pagar despesas com taxa de embarque da viagem.

No dia 7 de fevereiro, o prefeito José Donizete Ferreira de Freitas teria pedido a emissão de outro vale, de R$ 3 mil, para cobrir despesas da viagem. Segundo a força-tarefa, o prefeito e o ex-secretário foram ao cruzeiro com as respectivas esposas.

Segundo a força-tarefa, mesmo que o congresso não tenha sido cancelado – informação que está sendo averiguada com a ANPV, a irregularidade já foi constatada por conta do uso de verba pública para pagamento das taxas e de despesas pessoais. A investigação ainda está apurando se o valor do cruzeiro - R$ 2,5 mil - foi parcialmente pago pela ANPV ou teve algum desconto.

O prefeito foi afastado do cargo novamente no dia 22 de junho, por determinação do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul. Desde o início do ano, ele já foi afastado das funções duas vezes, mas havia garantido retorno anteriormente com base em recursos judiciais. Freitas é réu em pelo menos dois processos de desvio de verba pública e superfaturamento de licitação. Os advogados que fazem a defesa do prefeito, em declarações anteriores, negou qualquer envolvimento dele com as irregularidades investigadas pela força-tarefa.

 

 

Conjuntura Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

FEMINICIDIO
Mulher é morta com 75 facadas pelo ex-marido após 25 anos de casamento
NEGLIGÊNCIA FUNCIONAL
'Peguei meu filho e achei que estivesse morto', diz mãe de criança dopada em creche
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
Confira o que tá na promoção que vai até este sábado no O Boticário em Fátima do Sul
BONITO - MS - DICA AGÊNCIA ECO TOUR
Visite Bonito (MS) na baixa temporada, saiba o porquê!
FÁTIMA DO SUL - TRATAMENTO COACH
De Nova Andradina, Vanessa recupera autoestima com tratamento 'Coach' Célia Tenório de Fátima do Sul
CASA BOCA SUJA
morador instala placas com palavrões nos muros de casa
MACABRO
Mulher é encontrada morta ao lado de uma oferenda
AMOR AO PRÓXIMO
Acidentada e abandonada, idosa é adotada por mulher de 30 anos
TRISTEZA
Morre menina que teve o corpo queimado em tentativa de furto em oleoduto, em Duque de Caxias
CONCORRENCIA
Padre Fabio de Mello reclama de Bradesco na internet e é disputado por concorrentes