Menu
SADER_FULL
sábado, 22 de setembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Jeanne pode ter matado cerca de 1,6 mil no Haiti

22 Set 2004 - 08h09
O governo do Haiti disse hoje que os mortos no Haiti devido à tempestade Jeanne podem chegar a 1.600, já que aos 600 corpos identificados podem se somar mil desaparecidos. O primeiro-ministro haitiano, Gerard Latortue, disse hoje que os desaparecidos podem ser considerados mortos.

Foram feridas 384 pessoas e cerca de 160 mil haitianos foram afetados pelas inundações causadas pelo Jeanne. O número total de mortos no país ultrapassou os 700, segundo a missão da ONU no Haiti.

"Já identificamos 600 mortos e há um risco de epidemia devido aos cadáveres. Não há eletricidade, os necrotérios não funcionam e tem água por toda parte. É o maior drama já sofrido pela cidade até hoje", declarou latortue.

A cidade de Gonaives, onde pelo menos 600 morreram, foi a mais afetada. As autoridades dizem que metade dos seus 200 mil habitantes precisam urgentemente de comida, água potável e abrigo. Cerca de quatro mil casas foram destruídas na região.

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMBOSCADA
Homem é assassinado na frente do filho de seis anos
FAMOSIDADES
Xuxa rompe silêncio sobre Marlene Mattos e traições de Pelé: ‘Me fez coisas muito feias’
ASSALTANTE
Preso confessou que matou a ex em cela da cadeia
DISPUTA ACIRRADA
Nova pesquisa mostra empate técnico entre Haddad e Bolsonaro
SELEÇÃO BRASILEIRA
Gabriel Jesus retorna para a Seleção
LOTERIA
Mega-Sena acumula novamente e pode pagar prêmio de R$ 22 milhões
HORÁRIO DE VERÃO 2018
Horário de Verão pode ser extinto em todo território nacional
EDUCAÇÃO
‘Desejo continuar com a minha profissão, mas temo pela minha vida’, diz professor agredido em aula
SOB INVESTIGAÇÃO
Jovem é encontrada morta dentro do quarto e esposo está desaparecido
MORTE NO DETRAN
Jovem sofre parada cardíaca durante prova para tirar CNH