Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 20 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Japão: terremoto de 6,8 graus deixa 5 mortos e 500 feridos

16 Jul 2007 - 07h00

Cinco pessoas morreram e mais de 500 ficaram feridas em um terremoto de 6,8 graus na escala aberta de Richter que abalou hoje a região de Niigata, no noroeste do Japão, informou a agência Kyodo. O tremor levou as autoridades locais a emitirem um alerta de tsunami, informou a emissora de TV estatal NHK.

O terremoto, com epicentro a 17 quilômetros de profundidade nas águas do Mar do Japão, aconteceu às 10h13 (10h13 de domingo em Brasília) e provocou o desmoronamento de 20 casas, principalmente na localidade de Kashiwazaki, província de Niigata, assim como um incêndio em uma usina nuclear.

Como conseqüência do forte tremor duas mulheres morreram em Kashiwazaki e 260 pessoas ficaram feridas nas províncias de Niigata e Nagano (noroeste e centro do Japão, respectivamente).

O terremoto desencadeou um incêndio no reator de número 3 da usina nuclear Kashiwazaki-Kariwa, da companhia Tokyo Electric Power, que optou por fechar seus outros três reatores.

Segundo as autoridades provinciais, o incêndio já foi totalmente controlado.

A companhia elétrica Tohoku Electric Power informou que uma falha no fornecimento de energia deixou cerca de 21.700 lares sem luz na região de Niigata.

O Governo da cidade de Kashiwazaki decidiu suspender o fornecimento de gás na região urbana após detectar rompimentos em encanamentos em várias zonas da cidade.

O tremor também alterou os serviços de transporte na região, com cortes de energia para o trem-bala japonês, Shinkansen, e o fechamento temporário do aeroporto provincial para que os técnicos verificassem a existência de danos na pista de aterrissagem, embora os serviços já funcionem normalmente, segundo a Kyodo.

A agência meteorológica japonesa chegou a emitir um alerta de tsunami para a área da ilha de Sado, no mar do Japão, embora o tenha desativado pouco depois.

O Governo japonês iniciou um serviço de emergência para atender os afetados e normalizar a situação na região de Niigata.

Em 23 de outubro de 2004, esta região foi sacudida um terremoto da mesma intensidade, no qual morreram 67 pessoas e 4.800 ficaram feridas.

O Japão se encontra em uma das zonas sísmicas mais ativas do mundo, e os terremotos de grande intensidade são relativamente freqüentes, apesar de não provocarem normalmente danos significativos, já que as construções do país estão preparadas para os tremores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS