Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CONTAINER
Brasil

INSS suspende pagamento de 31 mil beneficiados "fantasmas"

2 Abr 2007 - 11h12

A partir de hoje (2), o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) suspende o pagamento de 31.047 benefícios de segurados que responderam o censo por meio de procuradores e tutores, mas que não foram encontrados nos endereços declarados.

Segundo a assessoria do Ministério da Previdência Social, em fevereiro foi publicado o edital convocando 31.332 segurados a comparecer em uma agência do INSS para comprovar os dados no prazo de 30 dias. Apenas 285 pessoas comprovaram.

Para os benefícios serem reativados, o segurado deve procurar uma agência da Previdência Social com o cartão do benefício, documento de identidade, comprovante de residência e o Cadastro da Pessoa Física (CPF). Caso os documentos sejam entregues por meio de procurador, os servidores do INSS farão uma nova visita ao endereço declarado.

Também a partir de hoje, o INSS suspende 93.708 benefícios com numeração final 8. Os beneficiários receberam carta de convocação em janeiro, mas ainda não compareceram. De acordo com a assessoria do ministério, serão ainda suspensos 8.736 benefícios de final 3, 4 e 5, que poderão ser reativados caso o segurado compareça à agência da Previdência Social e confirme os dados.

 

 

Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'