Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quarta, 19 de junho de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Insatisfeita com resultados, diretoria corintiana promete dar uma chacoalhada no elenco

16 Set 2013 - 10h27Por Gazeta Esportiva

Não são apenas os torcedores que estão insatisfeitos com o desempenho do Corinthians no Campeonato Brasileiro. De candidato ao título, o time começa a se distanciar até mesmo da briga por uma vaga na Copa Libertadores. A diretoria diz estar atenta e promete cobrar os jogadores.

"Sempre que passamos por essas fases, como no Brasileiro, na Libertadores, no Paulista do ano passado, damos uma chacoalhada. É o que temos que fazer: trabalhar bastante", disse o diretor-adjunto de futebol, Duílio Monteiro Alves, depois da derrota de domingo para o Goiás, no Pacaembu.

Foi a quarta partida seguida sem vitória na competição. Resultado que manteve em cinco pontos a diferença para o atual quarto colocado, o Atlético-PR, e que definitivamente passou a preocupar os dirigentes.

"Tem que mudar o desempenho", reconhece Duílio. "O futebol que o Corinthians apresentou nos últimos jogos não é satisfatório. A mudança é essa: o Corinthians tem que voltar a jogar bem e encontrar as vitórias, não tem mais".

Sempre ponderado nas declarações, ao contrário de outros membros do futebol corintiano, o diretor-adjunto confirmou que, a exemplo de outros momentos de crise, haverá uma nova reunião com o elenco nesta segunda-feira, dia em que os jogadores se reapresentarão aos trabalhos.

Fernando Dantas/Gazeta Press

Após derrota para o Goiás, a terceira nos últimos quatro jogos, o Corinthians será cobrado pela diretoria para melhorar

"Essa conversa é diária, sempre que procuramos melhorar. Viemos de um resultado negativo contra o Botafogo e vamos sentar de novo para tentar identificar o que podemos fazer para melhorar o mais rapidamente possível. É ter calma, não entrar em desespero e enxergar muita coisa errada que, às vezes, não existe também", frisou.

Sem grandes possibilidades para reforçar o grupo, já que a janela de transferências internacionais está fechada, a diretoria também não cogita mudanças na comissão técnica. Tite tem contrato até o final deste ano e só terá o trabalho avaliado depois disso, a exemplo das temporadas anteriores.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ATAQUE CANINO
Criança de dois anos é morta no quintal de casa por cachorro rottweiler
INFANTICIDIO
Padrasto teria sentado em cima da cabeça de bebê que morreu,foi espancado na cadeia
SOB INVESTIGAÇÃO
Jornalista do site Lei Seca Maricá foi assassinado com 3 tiros
VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento