Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 14 de novembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Índios Guarani-Kaiowá se mobilizam para fechar rodovias

10 Mai 2007 - 10h20
 

Caciques de aldeias Guarani-Kaiowá em oito cidades do Sul do Estado estão orientando suas comunidades para uma grande mobilização nesta sexta-feira. Pelo menos 8 mil índios vão bloquear rodovias estaduais e federais em Amambaí, Japorã, Antonio João, Sete Quedas, Eldorado, Iguatemi, Coronel Sapucaia e Aral Moreira. Em todo estado há 30 mil índios da nação Guarani-Kaiowá.

Segundo o cacique Rosalino Ortiz, coordenador da mobilização, as rodovias serão bloqueadas em protesto ao fechamento da administração regional da Funai em Amambai.

Os índios querem a reativação da administração regional, alegando que a medida deixou milhares de famílias inígenas sem assistência. A representação da Funai mais próxima é o núcleo de Dourados, que tem jurisdição sobre outras comunidades e não atende as aldeias na fronteira e Cone-Sul do Estado.

A estratégia a ser adotada pelos índios é bloquear as estradas que passam pelas aldeias, em pontos aleatórios. “O movimento é pacífico, mas quem estiver na rodovia terá que parar”, adverte o cacique Rosalino Ortiz, para quem, só uma posição radical podem chamar a atenção para as graves dificuldades dos índios, que estariam passando fome e não teriam assistência médica adequada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ENTROU ATIRANDO
VÍDEO: Pastor é baleado no altar durante o culto
TRAGEDIA
Ex-prefeito é morto pelo pai após ser confundido com assaltante
ACIDENTE DE TRANSITO
Caminhão passa por cima de veículos e explode em grave acidente
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Marilda (Letícia Spiller) é flagrada nua e finge ser uma assombração
BNDS
“Se não abrir a caixa preta do BNDES, está fora!”, diz Bolsonaro sobre Levy
FAMOSIDADES
Susana Vieira está com leucemia, mas a doença está controlado, diz assessoria
NOVELA GLOBAL
Marina Ruy Barbosa é a heroína de 'O sétimo guardião': 'Luz foge do tradicional'
CONSTRANGIMENTO
Claudia Leitte quebra silêncio e desabafa sobre polêmica com Silvio Santos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Concursos oferecem mais de 1 mil vagas e salários de até R$ 6,6 mil no MS
NOVA EQUIPE
Bolsonaro intensifica processo de transição esta semana em Brasília