Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Indígena armado é morto ao reagir à abordagem policial

10 Set 2004 - 08h22
Um homem aparentando origem indígena, de aproximadamente 35 anos foi morto com um tiro no peito após reagir a uma abordagem policial por volta das 15h30 de ontem em Sete Quedas, na fronteira com o Paraguai, região sul do Estado.

Segundo a Polícia Civil, após receber uma denúncia que um indivíduo não identificado e armado com uma faca teria tentado agredir um professor nas proximidades de uma escola da cidade, de posse da descrição do agressor, dois policias civis, abordo de uma viatura descaracterizada, saíram em diligência, vindo a encontrar o suspeito na Avenida Dom Pedro II, em frente ao Parque de Exposições do município.

Segundo os policias, ao abordar o suspeito e se identificarem como policiais, o indivíduo teria partido em direção aos policias armado com uma faca; um dos policias ainda chegou fechar o vidro da viatura, foi quando o suspeito teria partido para cima do outro policial. Ao notar que o companheiro seria atacado, o policial saiu da viatura e efetuou um disparo, vindo a atingir o peito do agressor. Segundo os policias que participaram da abordagem, o suspeito ainda chegou a ser socorrido com vida, mas acabou morrendo a caminho do hospital.

O delegado titular da delegacia de Polícia Civil de Sete Quedas, Napoleão Rodrigues Júnior, instaurou um inquérito para apurar o caso. Segundo o delegado durante o inquérito será apurado se houve alguma irregularidade na ação dos policias.Segundo a polícia, quando foi atingido pelo policial, o homem estava de posse de duas facas e um artefato, tipo uma arma artesanal e todo o material foi apreendido e será submetido à perícia.

Para o delegado, Napoleão Rodrigues Júnior, as investigações, no decorrer do inquérito, irão apurar o caso, mas a princípio, pela forma que ocorreu, a ação dos policiais civis foi o "estrito cumprimento do dever legal", fato amparado por lei, no caso de policiais agindo no cumprimento de seu dever.
 
Dourados Agora

Deixe seu Comentário

Leia Também

MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos