Menu
SADER_FULL
segunda, 24 de setembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Inadimplência no cheque é a menor desde 2004, diz Serasa

21 Jun 2010 - 13h53Por G1

A emissão de cheques sem fundos em maio apresentou o menor percentual para o quinto mês do ano desde 2004, segundo aponta o Indicador Serasa Experian. A inadimplência nessa modalidade de crédito foi de 1,86% em maio deste ano.

No acumulado do ano, o levantamento também verificou queda no percentual de cheques sem fundos. De janeiro a maio, houve 1,90% de cheques devolvidos, menor percentual registrado desde 2006, considerando os cinco primeiros meses do ano.

As baixas verificadas na inadimplência com cheque se devem à recuperação da qualidade neste instrumento, de acordo com a pesquisa.

De janeiro a maio, o Amapá foi o estado com o maior percentual de cheques devolvidos (12%). Na contramão, São Paulo, foi o estado com menor percentual (1,45%). 

"Em um ambiente de endividamento crescente, o cheque promove agilidade no registro da inadimplência, por meio de sua devolução. Além disso, o consumidor tem evitado o parcelamento com cheque pré-datado, porque oferece prazos menores de financiamento, não há opção de amortização menor que o valor acordado e a renegociação é mais difícil", afirma a Serasa, por meio de nota.

Perspectiva

A perspectiva é de que o bom volume de vendas no Dia das Mães, na Copa do Mundo e no Dia dos Namorados, que pode ter ampliado o endividamento do consumidor, pode refletir no indicador.

No entanto, a Serasa prevê que, de qualquer forma, a inadimplência com cheques fechará o ano menor que a registrada em 2009.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMBOSCADA
Homem é assassinado na frente do filho de seis anos
FAMOSIDADES
Xuxa rompe silêncio sobre Marlene Mattos e traições de Pelé: ‘Me fez coisas muito feias’
ASSALTANTE
Preso confessou que matou a ex em cela da cadeia
DISPUTA ACIRRADA
Nova pesquisa mostra empate técnico entre Haddad e Bolsonaro
SELEÇÃO BRASILEIRA
Gabriel Jesus retorna para a Seleção
LOTERIA
Mega-Sena acumula novamente e pode pagar prêmio de R$ 22 milhões
HORÁRIO DE VERÃO 2018
Horário de Verão pode ser extinto em todo território nacional
EDUCAÇÃO
‘Desejo continuar com a minha profissão, mas temo pela minha vida’, diz professor agredido em aula
SOB INVESTIGAÇÃO
Jovem é encontrada morta dentro do quarto e esposo está desaparecido
MORTE NO DETRAN
Jovem sofre parada cardíaca durante prova para tirar CNH