Menu
SADER_FULL
quarta, 23 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Ilda pede apoio da população de F. do Sul contra a dengue

26 Mar 2007 - 08h52

A prefeita de Fátima do Sul, Ilda Salgado Machado (PR), através da secretaria de infra-estrutura municipal e da secretaria municipal de saúde e higiene pública, ela que está preocupada com o grande salto dos casos de dengue em Fátima do Sul e todo o Estado de Mato Grosso do Sul, pediu a colaboração de toda a população fatimasulense e do Distrito de Culturama, para juntos combater esta epidemia da dengue.

 

Ilda Machado destacou a grande porcentagem de casos de dengue em todo o Estado de Mato Grosso do Sul, porcentagem esta que já chega a 70%. “Em decorrência disso, nós temos que adotar medidas preventivas no sentido de minimizar os casos de dengue em nosso município, como forma de controlar o avanço desta epidemia em nossa cidade e nosso Estado. É importante lembrar também que a compreensão e o espírito comunitário de cada um, iremos concluir nossos objetivos e ter-mos uma cidade mais limpa e humana”. Enfatizou Ilda Machado.

 

A prefeita determinou a secretaria municipal de infra-estrutura e a secretaria municipal de saúde e higiene pública, para que se tome as devidas providências: preservar limpo o terreno de sua propriedade ou responsabilidade, tanto na parte interna quanto na parte externa, quando não houve calçadas, evitando o crescimento de ervas daninhas; - quando existir grama, mantê-la aparada; - ao retirar entulhos, ou podar árvores, procurar não fazer aos finais de semana e para manter a cidade limpa, providenciando a imediata retirada da frente de seu imóvel; - acondicionar o lixo doméstico em embalagens apropriadas tipo saco plástico e mantê-las em tambores com tampa; - manter limpos e roçados os terrenos não edificados de sua propriedade; e manter garrafas ou embalagens que possam reter água, viradas com o bocal para baixo.

 

Segundo a Secretária Municipal de Saúde e Higiene Pública, Priscila Gazola, a equipe que faz trabalho de campo esta encontrando vários focos do mosquito transmissor da Dengue, tanto em residências e comércio. “O mosquito nasce em água limpa e parada não importando o bairro, classe social, tanto na periferia quanto no centro da cidade onde também tem sido encontrado foco do mosquito. A única maneira de evitar a dengue é não deixar o mosquito nascer. Para isso, é necessário acabar com os "criadouros" (lugares de nascimento e desenvolvimento do mosquito). Portanto, não deixe a água, mesmo limpa, ficar parada em qualquer tipo de recipiente”. Concluiu a secretária Priscila Gazola.

 

 

 

Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

BBB 19
Vanderson é eliminado e vai prestar depoimentos sobre casos de agressão
INVESTIGAÇÃO
Mourão volta a dizer que é preciso investigar Flávio Bolsonaro e punir se for o caso
HEROI
Porteiro ganha homenagem: salvou criança de 3 anos que caiu na piscina (VIDEO)
FAMOSIDADES
Aos 67 anos, Amado Batista assume namoro com jovem de 19 anos de idade
LUTO - TV
Ator Caio Junqueira morre no Rio uma semana após acidente
ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes