Menu
prefeitura VICENTINA Março 2019
terça, 19 de março de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

III Brincando na Rua da FIFASUL obteve êxito

16 Ago 2004 - 09h21

As Faculdades Integradas de Fátima do Sul – FIFASUL, através do projeto Criança Feliz, que está no 4º ano de existência, desenvolvendo atividades esportivas, educativas e culturais para cerca de 500 crianças, patrocinado pela Drª Ively Monteiro, realizou com grande êxito, na última 6ª feira, no Campus Desportivo da Fifasul o 3º Brincando na Rua.

As atividades foram desenvolvidas pelos acadêmicos do curso de Educação Física, acompanhadas pelos coordenadores, professores Carlo Henrique Golin e João Emidio da Silva,  apresentando duas etapas: na parte da manhã e a tarde, com momentos de lazer, e brincadeiras tradicionais tais como: pião, pipa, cabo de guerra, gincana, pular corda, futsal, vôlei, basquete, etc.

O evento marcou o início do segundo semestre do projeto “Criança Feliz”, que começa as aulas normais a partir desta segunda feira, nos períodos matutino e vespertino.

Carlo Golin agradeceu a presença das crianças e adolescentes, a colaboração dos acadêmicos e anunciou que para este segundo semestre o projeto terá mais duas modalidades: o futebol de campo e a formação de uma fanfarra para o Criança Feliz.
 
 
Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSÉDIO SEXUAL
Homem é morto a tiros após assediar mulher casada
FATALIDADE
Mulher morre ao cair de pé de abacate e bater cabeça na linha do trem
MANIACO SEXUAL
Pai flagra estupro da filha dentro de casa usando o celular, suspeito foi preso
FAMOSIDADES
Quem era Bettina antes do R$ 1 Milhão: Ela foi professora de balé, modelo e panfleteira
MENTOR DO MASSACRE
Polícia de Suzano apreende menor suspeito de planejar ataque
INTERNADO
Criança de 4 anos cai em poço de cinco metros de profundidade
RESGATADO
Cão abandonado em ilha estava sendo comido vivo por urubus
SEXTUPLOS
Americana dá à luz seis bebês em nove minutos
TRAGÉDIA EVITADA
Garoto de 11 anos leva faca na mochila para matar colega no ônibus escolar
ALERTA AOS PAIS
Menino de quatro anos corta os pulsos em Goioerê e pode ser influência da Momo