Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 21 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

IBGE espera que cidadãos respondam o censo por vontade própria

3 Ago 2010 - 06h44Por Agência Brasil

Embora os cidadãos sejam obrigados, por lei, a prestar informações ao Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o chefe da unidade do Rio, Romualdo Rezende, disse hoje (2) que prefere que os moradores respondam à pesquisa do Censo 2010 por estarem convencidos da importância do trabalho.

Para fazer o Censo 2010, o IBGE visitará, até o dia 31 de outubro, os 58 milhões de domicílios do país, para colher informações sobre os moradores e as condições de vida das famílias brasileiras. Cerca de 190 mil recenseadores já estão nas ruas para levar os questionários aos cidadãos.

Segundo o IBGE, até hoje não há registro de que a Lei 53.534, de 1968, que obriga a população a responder o questionário, tenha sido aplicada. A lei instituiu o pagamento de multa de até dez salários mínimos para quem se recusar a atender aos recenseadores do IBGE. Rezende destacou que a lei também garante o sigilo da informações.

"Na recusa da informação, está prevista uma multa. Mas isso nunca foi usado pelo IBGE porque não nos interessa multar as pessoas, mas convencê-las da seriedade do nosso trabalho e da importância de se responder às pesquisas da instituição, principalmente o censo", afirmou. Para Rezende, o melhor é que os cidadãos respondam às perguntas por vontade própria.

Para colher informações sobre os brasileiros, os recenseadores vão visitar os domicílios durante a semana, nos fins de semana e até mesmo à noite, no caso de o morador estar fora de casa durante o dia, no horário comercial.

Nesta edição do censo, existe também a possibilidade de o morador responder à pesquisa pela internet. O cidadão deve pedir ao recenseador de sua localidade os códigos de acesso ao formulário e preenchê-lo em até cinco dias por meio de computadores com conexão banda larga.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'
LARANJADA
Deputados do PSOL distribuem laranjas na chegada de Bolsonaro à Câmara
AMOR A PROFISSÃO
Pedreira caprichosa viraliza com trabalho detalhista e ganha novos clientes
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
O Boticário apresenta Quasar Brave, venha conferir no O Boticário em Fátima do Sul
SUPERAÇÃO
Jovem que morou 5 anos nas ruas se forma em Direito
FENÔMENO
Maior superlua de 2019 iluminará o céu nesta terça, 19
FAMOSIDADES
Padre sertanejo acusado de ostentação cobra entrada de idosos para assistir programa